Você está em:

Solidariedade às vítimas da pandemia: CNBB pede que igrejas toquem os sinos neste Domingo da Misericórdia

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) pede às igrejas que, neste Domingo da Misericórdia, 11 de abril, repiquem os sinos, às 15h, em solidariedade às vítimas da COVID-19. Um gesto também para manifestar esperança e fé neste tempo difícil.

A proposta de repicar os sinos no Domingo da Misericórdia foi aprovada na última reunião do Conselho Permanente da CNBB. A ideia é expressar solidariedade especialmente às famílias que foram impedidas de vivenciar o luto e aos profissionais que lutam para salvar vidas.

Neste domingo, a CNBB inicia a segunda fase da campanha “É tempo de cuidar”. A iniciativa oferece ajuda emergencial aos mais pobres, principais vítimas da pandemia e de seus impactos sociais.

A seguir, a carta do secretário-geral da CNBB, dom Joel Portella Amado.