Você está em:

Semana da Voz na PUC Minas

 

Com o tema “Seja Amigo da sua Voz”, o Curso de Fonoaudiologia da PUC Minas promove, a partir desta segunda feira, 12 de abril, no campus Coração Eucarístico (av. Dom José Gaspar, 500), a Semana da Voz, com orientações para a comunidade acadêmica e a população em geral sobre higiene e saúde vocal. A campanha prossegue até sexta-feira, 16, quando é comemorado o Dia Mundial da Voz em diversos países, entre eles Estados Unidos, Portugal, Espanha, Bélgica, Suíça, Itália e Argentina.

No dia 16 de abril, os interessados poderão se dirigir ao Centro Clínico de Fonoaudiologia da Universidade (av. Brasil, 2.023, 2º andar, bairro Funcionários) para fazer análise da voz, por meio de gravação em cabine acústica. O teste, gratuito, poderá ser realizado das 8h às 11h e das 14h às 17h. Não é necessário fazer inscrição. Na ocasião, a população também será orientada sobre higiene vocal e cuidados com a voz.

A campanha, que tem o apoio da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa), visa propiciar o entendimento da voz como veículo de relacionamento, de afeto e constitutiva das funções orgânicas, físicas e mentais do sujeito; promover ações que favoreçam a conscientização da sociedade quanto à importância da saúde vocal e a prevenção de alterações na voz; promover ações para divulgar a importância da educação da voz desde a infância, incluindo a formação cultural, educacional e social do indivíduo.

As ações serão desenvolvidas por professores e alunos do Curso de Fonoaudiologia, sob a orientação do Eixo de Voz do curso. A referida campanha concorrerá a um prêmio nacional, oferecido pela SBFa, na categoria de Melhor Campanha. A premiação acontecerá durante o 18º Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia – Exercício Profissional: bases teóricas, avanço e realidade nacional, de 22 a 25 de setembro deste ano, em Curitiba, no Paraná.

A campanha, realizada no Brasil desde 1999, conta ainda com o suporte dos conselhos regionais e federal de Fonoaudiologia, dos sindicatos de Fonoaudiólogos, da Sociedade Brasileira de Laringologia e Voz, de faculdades e universidades, além de artistas renomados, cantores, atores, professores, otorrinolaringologistas, fonoaudiólogos, além dos meios de comunicação.

 

Voz e comunicação

 

A Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa) estima que entre 5 e 8% da população tenha alguma dificuldade vocal que possa atrapalhar a comunicação, como voz rouca, esforço e/ou cansaço ao falar. A ocorrência desses problemas aumenta em profissionais da voz, como os professores – o maior grupo de risco –, atores e cantores, além dos operadores de telesserviços, podendo atingir índice de 25% em algumas condições de trabalho, patamar considerado muito alto por especialistas. Além disso, rouquidão pode ser um sintoma indicativo de câncer e a maioria das pessoas que têm ou tiveram câncer de laringe também apresentam problemas com a voz

 

Outras informações no Centro Clínico de Fonoaudiologia da PUC Minas, pelo telefone (31) 3269-3202.