Você está em:

Divulgada identidade visual para o 55º Dia Mundial das Comunicações Sociais – 2021

Evandro Luís Marques Caldeira, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, de Olímpia (SP) , é o autor da obra vencedora no concurso para a identidade visual do Dia Mundial das Comunicações Sociais 2021, celebrado no dia 16 de maio.  A paróquia integra a diocese de Barretos (SP). A decisão foi unânime, tanto no parecer do juri técnico quanto dos três bispos da Comissão de Comunicação da CNBB: dom Joaquim Mol, dom Neri José e dom Edilson Nobre

No processo de inscrição, Evandro fez a seguinte apresentação de sua criação: “Enfrentando a pandemia do coronavírus, as paróquias tiveram que se reinventar fazendo com que a Igreja acontecesse em diversos lugares. O tema “Vem e verás” foi evidenciado, tornando a igreja próxima dos fieis onde estão e como eles são, e o quando a Igreja foi ampliada mediante a comunicação e o esforço de toda a Igreja no Brasil, comunicando-se de maneira direta e diária, chegando em hospitais, assistência social e, sobretudo, em cada família através da oração. Recordamos a encíclica Fratelli Tutti do Papa Francisco, que nos motiva a compreender que neste momento a comunicação foi a da unidade, todos estavam unidos pela fé, formando uma família, onde todos são irmãos. A cruz representa a entrega de Jesus Cristo por amor a todos nós. O símbolo do wi-fi representa a conexão entre os meios de comunicação. As fotos retratam o povo unido pela fé. A foto aos pés da cruz é o meu pároco (Frei Lucas Lisi Rodrigues) em uma das missa on-line, representando todo o clero.”

Baixe os arquivos da identidade visual. Em breve, outros conteúdos estarão disponíveis no mesmo link.

Comissão julgadora
A comissão formada para apreciar e indicar a obra vencedora foi composta por Flávio Medeiros (designer da Inspetoria Maria Auxiliadora e membro da Signis Brasil Jovem – Recife), Gustavo Huguenin (designer responsável pelo logotipo da JMJ Rio 2013 – Santa Catarina), Adielson Agrelos (coordenador do GT Produção da Pascom Brasil – Rio de Janeiro), Juliene Barros (coordenadora de criação da Paulinas Brasil – São Paulo), Zanete Dadalto (professora de fotografia na Faesa – Espírito Santo) e Fernando Gomes (fotógrafo e coordenador da Pascom na Diocese de Guarulhos). O júri técnico indicou as três primeiras colocadas e a segunda etapa do processo foi a decisão pelos bispos membros da Comissão de Comunicação da CNBB.