Você está em:

Catedral Cristo Rei recebe peregrinos para Missa em intenção do novo ano

O arcebispo dom Walmor acolheu peregrinos na Catedral Cristo Rei, neste 31 de dezembro, para Missa dedicada ao novo ano. Na Celebração Eucarística,  os fiéis suplicaram a Deus por bênçãos para 2022. Dom Walmor, em sua homilia, disse que o novo ano precisa ser diferente, com todos cultivando um encantamento no coração. Encantar-se, conforme explicou o Arcebispo, a exemplo dos pastores diante da Sagrada Família, na narrativa do evangelista Lucas que integra a liturgia  deste dia 31.

O encantamento experimentado pelos pastores e que deve tomar conta do coração humano têm como fonte o Menino Jesus, ensinou dom Walmor, lembrando que este tempo de pandemia, com as suas dores, precisa ser de aprendizado. E o encantamento a ser vivido neste tempo permite, de acordo com o Arcebispo, vencer o medo que afasta as pessoas de seu semelhante, impedindo gestos de solidariedade.

O compromisso com a solidariedade, sublinhou dom Walmor, é ponto fundamental para construir um novo ano diferente, fazendo da própria vida um dom. O Arcebispo, lembrando a mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial da Paz – primeiro de janeiro – ressaltou que todos devem ter direito ao trabalho, pois trabalhar vai além de simplesmente buscar garantir o próprio sustento. “É uma forma de servir ao próximo”, explicou.

No primeiro dia de 2022, as comunidades de fé da Arquidiocese de Belo Horizonte têm programação especial para celebrar a chegada do novo ano. Clique aqui para ver. 

A seguir, a homilia de dom Walmor