Você está em:

Ano Vocacional: uma inspiração para novos catequistas

A Igreja do Brasil vivencia o seu 3º Ano Vocacional. É tempo de despertarmos para a missão de construir uma sociedade mais justa e fraterna. Neste contexto, um bonito trabalho é desenvolvido por aqueles que dedicam-se a transmitir a Palavra e os ensinamentos de Deus: os catequistas. Na Arquidiocese de Belo Horizonte o caminho está aberto para receber, com alegria e esperança, esses formadores. “Os catequistas são aqueles que chamados a anunciar a Palavra de Deus, testemunham: com coragem, criatividade, com força do Espírito Santo, com alegria e com muita paz. São pessoas que anunciam incansavelmente o Evangelho da misericórdia”, diz Neuza Silveira de Souza , coordenadora do Secretariado Arquidiocesano Bíblico-Catequético de Belo Horizonte.

Ser catequista é uma vocação e o primeiro passo para quem deseja conhecer melhor essa missão é procurar a sua Paróquia, onde irá receber as orientações para dar os seus primeiros passos.  Na formação do catequista não existe um tempo determinado e sim os temas a serem trabalhados, voltados para o conhecimento do Evangelho, dos seus valores, o reconhecimento da Bíblia, a transmissão da fé.  Mas o mais importante para iniciar essa jornada, como sublinha Neuza Silveira, é  o desejo de ajudar as crianças, adolescentes e adultos a fazerem essa bonita e transformadora experiência com Jesus Cristo:  “A catequese traz uma mudança de paradigma para aqueles que a experimentam. É uma formação para a vida”, completa.

E você? Já sentiu vontade de ser catequista?  Inspire-se com a especial mensagem do nosso arcebispo dom Walmor Oliveira de Azevedo dedicada ao Ano Vocacional: Clique aqui.