Você está em:

Amor e fé: Fiéis celebram a Imaculada Conceição de Maria no Santuário Arquidiocesano Nossa Senhora da Conceição dos Pobres

O Santuário Arquidiocesano Nossa Senhora da Conceição dos Pobres, no bairro da Lagoinha, amanheceu em festa. Com o coração cheio de esperança os fiéis festejam o dia da Imaculada Conceição de Maria.  Às 4h o sino do Santuário já anunciava a primeira Santa Missa. O arcebispo dom Walmor Oliveira de Azevedo celebrou, às 8h, lembrando aos fiéis que o dia de hoje deve reavivar em nossos corações, a partir da verdade da fé, que Nossa Senhora foi concebida sem pecado original. “A graça de Deus tudo pode”.  Dom Walmor ressaltou que o dia da Imaculada Conceição de Maria reforça o chamado para juntos construirmos uma sociedade justa, fraterna e solidária. “Enquanto caminhamos para o reino definitivo.”  E citou o apóstolo Paulo:  “Sou o que sou pela graça de Deus e pela graça de Deus somos salvos.”

Em Belo Horizonte, o dia 8 de dezembro é um feriado municipal: Nossa Senhora da Conceição é reverenciada pelos belo-horizontinos, de forma muito especial. A explicação nasce com os primeiros moradores da cidade. No passado, o antigo Curral Del Rei era um distrito, ligado à Sabará, que tem como igreja mãe a Matriz de Nossa Senhora da Conceição. Assim, a festa da Padroeira de Sabará, era também muito vivida no arraial Curral Del Rei. E quando Belo Horizonte foi constituída, a primeira cidade planejada do país, a tradição de festejar Nossa Senhora da Conceição foi para sempre mantida. O feriado de 8 de dezembro, portanto, tem raízes na história da Capital de Minas. Amor, afeto e fé  transmitidos entre muitas gerações.

Cuidado com a vida

O Santuário Arquidiocesano Nossa Senhora da Conceição dos Pobres recebe fiéis, seguindo os protocolos sanitários. Dom Walmor expressou a alegria da Igreja em receber os seus filhos de volta, mas o arcebispo ressaltou que a pandemia ainda não terminou. ” Precisamos continuar exemplarmente cuidadosos, cuidando da saúde de todos e sobretudo, pensando nos mais vulneráveis, nos pobres. A sociedade escancarou a partir da pandemia suas feridas, mostrando a fome, a miséria e o descuido com aqueles que precisam mais. A vida é uma prioridade”, afirmou.

Missas a cada duas horas

Neste dia da Festa, 8 de dezembro, o Santuário celebra Missas dedicadas à Imaculada Conceição de Maria a cada 2h, a partir das 4h, até às 20h.

Os lugares serão preenchidos por ordem de chegada até o limite máximo de 180 pessoas em respeito ao distanciamento social. Os protocolos de segurança para o enfrentamento da Covid-19 devem ser seguidos, a exemplo do uso obrigatório de máscaras.

O endereço do Santuário Arquidiocesano Nossa Senhora da Conceição dos Pobres é Rua Além Paraíba, 152 –bairro da Lagoinha, Belo Horizonte.