Você está em:

Professores da PUC Minas serão agraciados com a Medalha da Inconfidência

O bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte e reitor da PUC Minas, dom Joaquim Mol, indicou, na condição de integrante do Conselho Permanente da Medalha da Inconfidência, para receber a comenda, no grau de mesmo nome, os professores da PUC Minas Teresa Cristina Alvisi, coordenadora de Extensão do campus Poços de Caldas; Henrique Leonardo Guerra, coordenador do Curso de Medicina do campus Betim; e Álvaro Mendonça Pimentel, reitor da Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (Faje). A medalha será concedida pelo governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, nesta terça-feira, 21 de abril.

A solenidade de agraciamento será a partir das 10h, na Praça Tiradentes, em Ouro Preto.

Também o professor Jorge Mascarenhas Lasmar, chefe do Departamento de Relações Internacionais, será agraciado na solenidade, com a Medalha de Honra da Inconfidência.

A medalha foi criada pela Lei 882, de 1952, e é entregue àqueles que, de maneira excepcional, tenham contribuído para a projeção e valorização de Minas Gerais, nos termos do Decreto nº. 38.690/97, de 10 de março de 1997. Ela é concedida nos graus Grande Colar da Inconfidência; Grande Medalha da Inconfidência; Medalha de Honra da Inconfidência; e Medalha da Inconfidência.