Você está em:

Papa faz apelo à reconciliação na Venezuela

Na audiência geral desta quarta-feira o Papa Francisco propôs uma catequese sobre o Sacramento da Unção dos Enfermos. Um sacramento que, seguno o Santo Padre,  fala da compaixão de Deus pelo homem no momento da doença e da velhice. “Há um ícone bíblico que exprime em toda a sua profundidade o mistério que transparece na Unção dos Enfermos: é a parábola do bom samaritano no Evangelho de Lucas”, disse ele.

 

A parábola do “bom samaritano” oferece-nos uma imagem desse mistério – afirmou o Papa Francisco – o bom samaritano cuida de um homem ferido, derramando sobre as suas feridas óleo e vinho, recordando o óleo dos enfermos.

 

No final da audiência, o Papa Francisco fez um apelo para a paz e reconciliação nacional na Venezuela: “Sigo com particular apreensão o que está a acontecer nestes dias na Venezuela. Desejo vivamente que acabem o mais depressa possível as violências e as hostilidades e que todo o povo venezuelano, a partir dos responsáveis políticos e institucionais, favoreçam a reconciliação nacional, através do perdão recíproco e de um diálogo sincero, respeitoso da verdade e da justiça, capaz de enfrentar temas concretos para o bem comum. (Confira, aqui, a síntese da catequese do Papa Francisco)

 

Leia, ainda, o resumo das reflexões do Papa Francisco nas homilias das Missas celebradas na Casa Santa Marta, situada nas dependências do Estado do Vaticano, e outras mensangens do Santo Padre:

 

25 de Fevereiro de 2014
PAPA FRANCISCO PEDE QUE FAMÍLIAS REZEM PELO SÍNODO                     

 

25 de Fevereiro de 2014
FRANCISCO: CRIANÇAS FAMINTAS NOS CAMPOS DE REFUGIADOS, ENQUANTO FABRICANTES DE ARMAS FAZEM FESTA

 

24 de Fevereiro de 2014
SEGUIR JESUS É TER UMA CASA, A IGREJA

 

23 de Fevereiro de 2014
PAPA FRANCISCO PRESIDE MISSA CONCELEBRADA POR NOVOS CARDEAIS