Você está em:

[Artigo] O Ano do Laicato – Equipe do Observatório da Evangelização

No último domingo, dia 26 de novembro, quando a Igreja Católica celebrou a Festa de Cristo Rei, teve início do Ano Nacional do Laicato, que tem como tema: “Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do Reino”.

O Observatório da Evangelização produzirá ao longo desse período uma série de reflexões sobre a missão dos leigos e leigas. Dentro do possível, noticiará e comentará os seminários locais, regionais e temáticos, os eventos, as publicações de livros e de mensagens que debaterão acerca do papel do leigo na Igreja e na sociedade.

Uma primeira reflexão sobre o tema, escrita pelo secretário executivo do Observatório, professor Edward Guimarães, inspirada nos apelos do Papa Francisco, propõe um caminho nobre para os leigos católicos: na defesa da dignidade da vida humana, os cristãos leigos e leigas devem testemunhar a prática da justiça, do diálogo e do amor fraterno como caminho para a construção da paz.

O autor constata que “desde o Concílio Vaticano II, a ênfase dada a centralidade do Batismo e na igual dignidade batismal de todos os membros do Povo Deus – leigos/as, religiosos/as, diáconos, presbíteros e bispos – pouco avançou na superação do “clericalismo”. Com isso, os cristãos leigos e leigas ainda não estão incluídos, em plenitude, na vida da Igreja. Não se sentem verdadeiramente Igreja, ainda que batizados e membros do Povo de Deus”.

Não obstante, “o eixo central do Ano do Laicato é a promoção da presença e a atuação dos cristãos leigos e leigas na Igreja e na sociedade.” Ademais, são objetivos do ano do laicato “celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos e leigas no Brasil; aprofundar a sua identidade, vocação, espiritualidade e missão; e testemunhar Jesus Cristo e seu Reino na sociedade.”

Leia e reflita sobre o texto intitulado “formar discípulos de Jesus e com plena cidadania eclesial: eis o desafio maior do Ano Nacional do Laicato”, no site do Observatório, clicando aqui: