Você está em:

Imagem de Nossa Senhora do Rosário é recuperada após 31 anos

A imagem de Nossa Senhora do Rosário, escultura barroca de madeira, em policromia, do século 18, com 89 centímetros de altura, desaparecida desde 1º de dezembro 1981, da Capela Nossa Senhora do Rosário – Comunidade Quinta do Sumidouro, em Pedro Leopoldo, voltou para Belo Horizonte nesta terça-feira, dia 13.

Uma operação envolvendo o Ministério Público Estadual, a Polícia Civil e o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha/MG), resgatou a peça em São Paulo.

Na manhã desta quarta-feira, 14, a peça foi apresentada na sede do Ministério Público de Minas Gerais, no Bairro Santo Agostinho. A coordenadora do inventário do patrimônio cultural do Memorial da Arquidiocese de Belo Horizonte, Mônica Eustáquio Fonseca, acompanhou a chegada da imagem, que será devolvida, em breve, para a comunidade.

O conjunto da capela Nossa Senhora do Rosário, em Pedro Leopoldo, está sob tombamento do Iepha/MG desde 1976.

De acordo com o promotor de Justiça Marcos Paulo de Souza Miranda, coordenador da Coordenadoria de Promotorias de Justiça de Defesa do Patrimônio Cultural e Turístico (CPPC/MG), “foram 31 anos de espera para a comunidade e mais de oito na Justiça para conseguirmos trazê-la de volta a Minas”, disse.

A Comunidade Quinta do Sumidouro já programa uma grande festa para receber a imagem da padroeira.