Você está em:

Imagem da Padroeira de Minas será restaurada

A imagem de Nossa Senhora da Piedade, obra do mestre Aleijadinho, do século 18, será transferida da Ermida do Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Caeté,  para ser restaurada, na terça-feira, dia 1º de abril, às 10h30. Um momento histórico na Arquidiocese de Belo Horizonte pois, pela primeira vez, a imagem da Padroeira de Minas Gerais deixa seu lugar de origem.  
 
A imagem de Nossa Senhora da Piedade ficará na Casa dos Peregrinos Dom Silvério, dentro do próprio Santuário, e lá mesmo será feito o processo de restauro.
  
Restauração da Ermida de Nossa Senhora da Piedade
 
Construída em 1765, a Ermida passará por restauração das esquadrias em madeira, piso e forro, com a manutenção de suas características originais. Todo o guarda-corpo da Praça Cardeal Mota, localizada em frente à Ermida, será trocado. Ainda serão construídas rampas para a Ermida possibilitando fácil acesso para todos. No projeto, estão também incluídas a iluminação externa e interna, a instalação de redes hidráulica e elétrica, além de melhorias no sistema de sonorização. 
 
Será mais uma importante etapa do conjunto de revitalizações do Santuário da Padroeira de Minas conduzidas pelo arcebispo dom Walmor Oliveira de Azevedo.  Nos últimos quatro anos, o complexo arquitetônico, histórico, paisagístico e cultural do Santuário Nossa Senhora da Piedade passou por importantes mudanças. Foram restaurados o Espaço Dom João Resende Costa – Restaurante, a Casa dos Peregrinos Dom Silvério e a Igreja Nova das Romarias. Houve ainda a instituição do Espaço Padre Virgílio Resi e Espaço Boas Lembranças. As vias de acesso ao Santuário também foram melhoradas, com a instalação do portão dos peregrinos e recapeamento das estradas.