Você está em:

Dia de São Bento: dom Walmor celebra em mosteiro beneditino

 
O arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidiu Celebração Eucarística na manhã desta sexta-feira, dia 11 de julho, no Mosteiro de Nossa Senhora das Graças. A Missa, concelebrada por dom Geraldo Vieira Gusmão, bispo emérito de Porto Nacional (TO) e padres da Arquidiocese,  marcou a comemoração pelo Dia de São Bento, fundador da Ordem Beneditina.     
 
Na homilia, dom Walmor, ao recordar o trecho da Regra de São Bento – “nada antepor ao amor de Cristo” – lembrou que devemos assumir a nossa dignidade de filhos de Deus e que precisamos ser presença qualificante no mundo, crescendo sempre na competência do amor. 
 
Nascido em Núrsia, região da Itália, por volta do ano 480,  São Bento tornou-se um homem de grandes virtudes e profunda espiritualidade. Ainda jovem, abandonou os estudos para se retirar nas montanhas da Úmbria, onde dedicou-se à vida de oração, meditação e aos diversos exercícios para a santidade. Mais tarde, fundou o Mosteiro de Monte Cassino, onde  escreveu a regra de vida para sua comunidade monástica, tornando-se o patriarca dos monges do ocidente.