Você está em:

Canonização: Paróquia Bem-Aventurado João XXIII homenageia o padroeiro


 

Católicos de todo o mundo acompanham a cerimônia de canonização dos beatos João XXIII e João Paulo II, presidida pelo Papa Francisco, no Domingo da Divina Misericórdia, dia 27, na Praça de São Pedro. A cerimônia começa  às 10h (5h da manhã, pelo horário de Brasília).

Na Arquidiocese de Belo Horizonte, a Paróquia Bem-Aventurado João XXIII prepara uma programação especial para celebrar a canonização do Padroeiro. Centenas de fiéis irão participar da vigília, adoração ao Santíssimo Sacramento e Missa, nos dias 26 e 27 de abril.  

O pároco, padre Otávio Juliano de Almeida, irá concelebrar no Vaticano, junto com cardeais, bispos, e pelo menos 700 sacerdotes na Praça São Pedro.

Programação:

26 de abril
19h30 – Missa de aniversário da Paróquia
22h à meia-noite – Vigília de oração na comunidade Santa Cecília

27 de abril
Meia-noite às 2h15 – Vigília e adoração ao Santíssimo Sacramento na Comunidade Nossa Senhora das Graças
3h às 4h45 – Vigília e adoração ao Santíssimo Sacramento na Comunidade Santana
5h – Transmissão da cerimônia de canonização na Comunidade Santana
7h30 – Missa na Comunidade Santana presidida pelo bispo auxiliar dom Luiz Gonzaga Fechio
10h – Missa na Comunidade Nossa Senhora das Graças
19h – Missa na Comuidade Santana

Mensagem do arcebispo dom Walmor:

“A canonização dos Bem-aventurados João XXIII e João Paulo II, no Domingo da Divina Misericórdia é motivo de júbilo para toda a Igreja. Alegra os corações dos devotos e de todos aqueles que reconhecem a ação do Espirito Santo na escolha desses admiráveis Pontífices como instrumentos de Deus, usados para dar novos rumos à Igreja, e à história.
 

“O Papa Bom”, João XXIII convocou o Concilio Vaticano II  abrindo, profeticamente,  os horizontes da  Igreja para  sua missão evangelizadora  no mundo contemporâneo, com a coragem, sabedoria e serenidade próprios de seu modo simples de ser.

Apaixonado por Jesus Cristo e consagrado a Maria Mãe de Deus, o Bem-aventurado João Paulo II orientou com precisão o caminhar da Igreja rumo ao terceiro milênio.

A canonização dos Santos Padres  fortalece ainda mais a aliança entre os pastores e seus rebanhos, que constituem o povo de Deus, na busca da justiça, da santidade  e nos convida a jamais abrir mão do bem maior: servir ao Senhor em nossos irmãos, assim como eles fizeram e deram testemunho em seus gestos proféticos,  nas pregações e, sobretudo,  por meio do exemplo de integridade na vivência do pontificado.

Os Bem-aventurados João XXIII e João Paulo II são importantes referências na escola dos santos. Na glória dos altares, enriquecem nossa Igreja. Louvemos a Deus por contarmos com suas preciosas intercessões e com seus exemplos de vida que apontam para o exemplo maior, Jesus Cristo.”

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo metropolitano de Belo Horizonte

Leia a mensagem de dom Walmor:

 

“A canonização dos Bem-aventurados João XXIII e João Paulo II, no Domingo da Divina Misericórdia é motivo de júbilo para toda a Igreja. Alegra os corações dos devotos e de todos aqueles que reconhecem a ação do Espirito Santo na escolha desses admiráveis Pontífices como instrumentos de Deus, usados para dar novos rumos à Igreja, e à história.
 

“O Papa Bom”, João XXIII convocou o Concilio Vaticano II  abrindo, profeticamente,  os horizontes da  Igreja para  sua missão evangelizadora  no mundo contemporâneo, com a coragem, sabedoria e serenidade próprios de seu modo simples de ser.

Apaixonado por Jesus Cristo e consagrado a Maria Mãe de Deus, o Bem-aventurado João Paulo II orientou com precisão o caminhar da Igreja rumo ao terceiro milênio.

A canonização dos Santos Padres  fortalece ainda mais a aliança entre os pastores e seus rebanhos, que constituem o povo de Deus, na busca da justiça, da santidade  e nos convida a jamais abrir mão do bem maior: servir ao Senhor em nossos irmãos, assim como eles fizeram e deram testemunho em seus gestos proféticos,  nas pregações e, sobretudo,  por meio do exemplo de integridade na vivência do pontificado.

Os Bem-aventurados João XXIII e João Paulo II são importantes referências na escola dos santos. Na glória dos altares, enriquecem nossa Igreja. Louvemos a Deus por contarmos com suas preciosas interceções e com seus exemplos de vida que apotam para o exemplo maior, Jesus Cristo.”

 

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo metropolitano de Belo Horizonte
 

– See more at: https://www.arquidiocesebh.org.br/site/opiniao_e_noticias.php?id_opiniao_e_noticias=7950#sthash.wIukQ3q3.dpuf

Sobre os beatos

João XXIII foi beatificado por João Paulo II em 3 de setembro de 2000. João Paulo II descreveu João XXIII, durante homilia da beatificação, como “o Papa que comoveu o mundo pela afabilidade do seu trato, que refletia a singular bondade do seu coração”.

João Paulo II faleceu em 2 de abril de 2005. Seis anos e um mês após a sua morte, foi beatificado. O Papa Bento XVI fixou a data da sua memória litúrgica no dia 22 de outubro.

– Paróquia Bem-Aventurado João XXIII
Av. Deputado Antônio Lunard, 635 – bairro Brasil Industrial – BH
Informações: 3381.4905