Você está em:

Alegria e fé marcam a Jornada Arquidiocesana da Juventude

“Uma igreja sem a presença do jovem nunca será uma igreja marcada pela alegria”, disse dom Walmor Oliveira de Azevedo no encerramento da Celebração Eucarística que marcou a Jornada Arquidiocesana da Juventude neste domingo, dia primeiro. O evento, que teve início na Praça do Papa, contou com a presença do bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte, dom João Justino de Medeiros, padres, diáconos e religiosos.
 
No início da tarde, dom João Justino e milhares de jovens se reuniram na Praça do Papa para o momento cultural, marcado por oração, música e dança. Ao se dirigir à juventude, recordou a visita do bem-aventurado João Paulo II em 1980. Em seguida, dom João Justino abençoou os fiéis, que iniciaram a caminhada em direção ao Santuário de Adoração Perpétua –Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, onde foi realizada a Missa.
 
Durante sua homilia, o bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte destacou que a vida é marcada por dificuldades, mas que Deus está presente e não nos abandona. “Peça ao Senhor a força para ser fiel; a fidelidade supõe a firmeza no caminho de Jesus”, enfatizou dom Justino.
 
Após o momento da Comunhão Eucarística, o arcebispo metropolitano, dom Walmor Oliveira, agradeceu a presença da juventude na arquidiocese e destacou a realização da Jornada Mundial da Juventude como caminho fecundo de missão. Também convidou os jovens para aceitarem o desafio de seguir Cristo na vida sacerdotal e religiosa.
 
 
 
 
 
Clique aqui e veja as fotos do evento

Veja a reportagem da TV Globo

 

Veja a reportagem da TV Horizonte