Você está em:

Momento de Alegria e Comunhão nos 300 Anos de Sabará

Uma Missa campal celebrada neste domingo, dia 17, pelo arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo e padres da região de Sabará marcou a comemoração dos 300 anos de elevação a categoria de “Villa Real de Nossa Senhora da Conceição de Sabará”.  Uma multidão de fiéis  acompanhou esse importante momento de espiritualidade  demonstrando alegria e entoando  cantos para reverenciar a cidade de Sabará.

Dom Walmor ressaltou que Sabará nasceu marcada pela fé. “Sua história, que começou em uma vila de moradores na época da corrida do ouro, está viva hoje, nessa cidade que tem tesouros de valor histórico, político e social -além do maior tesouro que é a fé do seu povo, expressada pelas suas igreja, que o Brasil inteiro vê e admira essa vila de Nossa Senhora da Conceição, que merece ser contemplada. As belezas das igrejas de Sabará são a expressão de tudo que os artistas e governantes encontrarão sobre a beleza do reino de Deus que não se pode tocar. O sabaraense encontrou o gosto em ser honesto e bom. Deus é o maior tesouro desses 300 anos!” O arcebispo agradeceu ao clero, enfatizando a tarefa de sustentar a devoção, enchendo o coração de amor e ternura.

Em sinal de devoção, a comunidade fez passar de mão-em-mão uma bandeira de Nossa Senhora do Rosário. 

Representantes do Governo de Minas e da Prefeitura de  Sabará que estiveram presentes no local, reafirmaram o compromisso com a comunidade de construir mais uma escola,  doar um carro,  recuperar a rodovia e construir uma ponte.

Veja as fotos do Evento