Você está em:

Dom Walmor celebra centenário do Corpo de Bombeiros Militar de MG

Mais de 2 mil pessoas participaram da celebração eucarística presidida pelo arcebispo de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, dia 27, em Vespasiano, em homenagem aos 100 anos do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG). 

Dom Walmor ressaltou a importância da corporação como prestadora de serviços essenciais para a sociedadade e de seus profissionais que, como o Bom Pastor, dão suas vidas para salvar outras vidas. E disse: “Parabéns por esta festa de centenário do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais. Neste momento da Eucaristia que é o gesto da entrega de Cristo, que deu sua vida por todos nós, quero focalizar a figura do Bombeiro Militar que corajosamente se oferece, dando sua vida pelo próximo. Esta profissão é um gesto permanente de oferta.”

Durante a homilia, o arcebispo disse que pais e mães honestos, profissionais dedicados, sãos referências para seus filhos. E que Jesus Cristo é o modelo mais completo do Bom Pastor que dá a vida por suas ovelhas. Lembrou que ser um Bombeiro Militar não é ter apenas uma profissão que garante o sustento. “É um sacerdócio cujo altar de oferendas é a vida de cada pessoa, sobretudo as mais precisadas. Deus os abençôe pela coragem e disponibilidade. Que Ele os proteja e os livre dos perigos. Que seja esta a grande luz no caminho, na fé e na vida do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais.”

Para o Comandante Geral do Corpo de Bombeiros em Minas Gerais, Coronel Silvio Antônio de Oliveira Melo, é uma grande alegria comemorar os 100 anos da corporação com uma celebração tão bonita. “Agradecemos a Deus pela força que os Bombeiros têm no cumprimento da missão de salvar o próximo mesmo tendo que arriscar a própria vida.” O Coronel manifestou apoio ao projeto da Catedral Cristo Rei, ao falar sobre sua importância e convidar todos a apoiar e fazer parte.

A celebração contou com a presença de um intérprete de Libras (Linguagem Brasileira de Sinais).

– Veja mais fotos aqui.