Você está em:

Biblioteca da PUC Minas completa 30 anos

A Biblioteca Padre Alberto Antoniazzi, do campus Coração Eucarístico, completa 30 anos no dia 23 de dezembro. Aberta a alunos, professores, funcionários e comunidade externa, a biblioteca contabiliza uma média diária de 5.600 empréstimos e 1.387 frequentadores, atendidos por 55 funcionários. Em seu acervo podem ser encontrados 2.291 títulos raros, por exemplo, O Livro Vermelho, considerado uma das obras inéditas mais importantes da história da Psicologia, do autor Carl Gustav Jung (1875 – 1961), e a obra Cantigas de Santa Maria, do século XIII, de Afonso X (1221 – 1284), rei de Leão e Castela.

Ligada à Pró-reitoria de Graduação, a biblioteca, ao reunir ensino, pesquisa e extensão, busca acompanhar o posicionamento da Universidade no mercado, acompanhando as demandas e os anseios da PUC Minas, buscando cada vez mais a integração com redes nacionais e internacionais.

A biblioteca funciona também como prestadora de serviços por meio de um sistema integrado de bibliotecas nos campi de Arcos, Guanhães, Poços de Caldas e Serro; unidades Barreiro e São Gabriel; núcleos universitários em Betim e Contagem; edifício Dom Cabral, na Praça da Liberdade; e nas cidades de Juiz de Fora, Mariana, Pirapora e Teófilo Otoni, polos do Ensino a Distância (EAD), por intermédio de instituições parceiras.

Espaço também de lazer e cultura, a biblioteca possui uma galeria de arte fundada em 2007, para expor obras de autores conhecidos. O objetivo do espaço é promover as criações e as produções da comunidade universitária.

Acervo

185.059 títulos de livros
341.687 exemplares de livros
1.352  periódicos nacionais (títulos)
3.764 periódicos internacionais (títulos)
5.690 materiais especiais (DVD, vídeos, fotos, fitas cassetes, mapas, CDS)

Histórico
A biblioteca da PUC Minas teve sua origem em 1963, com a fundação da Biblioteca da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Santa Maria, que ocupava parte do Palacete Dantas, na Praça da Liberdade. Posteriormente, foram incorporados os livros da Biblioteca da Faculdade Mineira de Direito.

Em 1972, transferiu-se do prédio da avenida Brasil para o campus Coração Eucarístico, onde funcionava no andar térreo do prédio destinado ao Instituto de Psicologia.

Na época, a Universidade contava com sete bibliotecas: biblioteca do Instituto Politécnico, biblioteca do Instituto de Filosofia e Teologia, biblioteca do Instituto de Psicologia, biblioteca de Enfermagem, biblioteca Central da Universidade Católica, biblioteca Departamental de Ciências Econômicas e biblioteca Departamental de Comunicação. As quatro primeiras estavam vinculadas administrativamente à direção das unidades onde se localizavam e as três restantes organizavam-se sob o regime de centralização parcial.

A centralização só se concretizou de fato, em 23 de dezembro de 1981, com a inauguração do prédio onde a Biblioteca Padre Alberto Antoniazzi está atualmente.

No período letivo, a biblioteca no campus Coração Eucarístico funciona de segunda a sexta-feira, das 7h15 às 22h30, e aos sábados das 7h15 às 16h. No período das férias, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 20h. Não haverá funcionamento nos dias 3, 10, 17, 24 e 31 de dezembro; 7 e 28 de janeiro e nem no dia 4 de fevereiro.