Você está em:

Basílica de São Pedro recebe milhares de universitários para ouvir o Papa

O Papa Bento XVI, durante encontro de oração com estudantes universitários, alertou sobre o perigo de se querer construir o mundo sozinho, “sem ou contra a Deus”.

Bento XVI declarou que a existência humana não está “abandonada às forças impessoais dos processos naturais e históricos”, mas fundamenta-se principalmente “na certeza de que o Deus de Jesus Cristo está presente”.

Bento XVI convidou a juventude a “construir a história juntamente com Deus. O Papa convidou a “vencer a tentação de colocar toda a esperança no imediato, numa perspectiva puramente horizontal, em projetos tecnicamente perfeitos, mas afastados da realidade mais profunda”, a dimensão “transcendente”.

A celebração que reuniu os universitários, na noite de ontem, integra o calendário de preparação para o Natal do Papa. Bento XVI convidou os presentes a “escutar e acolher o anúncio do nascimento de Jesus”, um “mistério inefável de luz, de amor e de graça”.

“São muitas as pessoas, nos nossos dias, que dão voz à pergunta sobre se devemos esperar algo ou alguém, se devemos esperar um outro messias, um outro deus, se vale a pena confiar naquele menino que encontraremos na noite de Natal, numa manjedoura, no meio de Maria e José”, prosseguiu o Papa, que utilizou uma plataforma móvel para fazer os trajetos da procissão entre a sacristia e o altar central da basílica.