Você está em:

Aberto processo de canonização do Frei Salvador Pinzetta

A diocese de Caxias do Sul (RS) abriu, nesta quarta-feira, 13, o processo de beatificação e canonização do Frei Salvador Pinzetta. O bispo emérito de Uruguaiana (RS), dom Ângelo Domingos Salvador, foi designado o postulador da causa.
Frei Salvador Pinzetta nasceu em 1911, em Casca (RS), e morreu no dia 31 de maio de 1972. Irmão religioso da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos do Rio Grande do Sul, Frei Salvador desenvolveu a maior parte de seu ministério em Flores da Cunha (RS). A devoção dos fiéis, que lhe atribuem muitos milagres, tornou-se uma romaria.

Dom Angelo Salvador esclareceu que o primeiro trabalho a ser realizado é o levantamento da documentação da vida do Frei Pinzetta. Em seguida, começa a fase auditiva, quando serão escutados os familiares e pessoas que conviveram com o Frei nas comunidades de Casca e Flores da Cunha. Ainda nesta fase serão ouvidos também os confrades que conviveram com ele. Esta fase é para comprovar a vida cristã, virtudes e santidade do Frei Salvador. “A segunda fase será averiguar possíveis milagres realizados por Deus pela interseção deste servo de Deus”, acrescentou dom Ângelo.