Você está em:

Projeto Providência apresenta livro sobre Arte e inclusão Social nas Cidades

O Projeto Providência, ação social da Arquidiocese de BH, que atende diariamente cerca de 1.800 crianças e adolescentes em três comunidades de Belo Horizonte, realiza o lançamento do livro “Graffiti: Arte e Inclusão Social nas Cidades” hoje, dia 24 de abril (quarta-feira), das 18h às 21h, no campus Praça da Liberdade da PUC Minas.

O livro é fruto da experiência iniciada nas oficinas de graffiti do Projeto, ministradas pelo artista Binho Barreto e ampliada no Seminário “Graffiti: Arte e Inclusão Social nas Cidades”, realizado em novembro de 2017. A obra apresenta uma multiplicidade de visões sobre o graffiti, a partir dos debates promovidos no seminário e apresentados de forma integral.

Com depoimentos de diversos artistas do cenário do graffiti de BH, do Brasil e até do exterior, o livro é uma maneira de aprofundar e ampliar a discussão acerca dessa arte nas cidades.  A obra foi organizada por Fernanda Flaviana S. Martins, diretora geral da Providens – Ação Social Arquidiocesana, instituição mantenedora do Projeto Providência; Binho Barreto, artista visual, ilustrador, cartunista, muralista, pintor e professor; e Sandra Freitas, professora da Faculdade de Comunicação e Artes da PUC Minas. A publicação é uma parceria entre o Projeto Providência e a Pró-Reitoria de Extensão da PUC Minas.

A arte do graffiti surge como forma de expressão de muitos jovens em um contexto de exclusão social e passou a ser uma ferramenta de inclusão do Projeto Providência nas comunidades em que atua. Cada exemplar será vendido no local e o valor será revertido para ajudar a continuar o trabalho do Projeto Providência na transformação da vida de milhares de crianças e adolescentes da capital mineira.