Você está em:

“Nossa história nas comunidades”: a Paróquia Sagrado Coração de Jesus, bairro Nova Granada

Na década de 1960, um bonito capítulo da história do Povo de Deus, na Arquidiocese de Belo Horizonte, começa a ser escrito. Um sonho de muitos leigos, abraçado por dom João Resende Costa, segundo arcebispo metropolitano, e os religiosos da Congregação do Sagrado Coração de Jesus de Betharram. A seguir, imagens  de alguns leigos que iniciaram as primeiras comunidades de fé no bairro Nova Granada, Região Oeste de Belo Horizonte, origem da Paróquia Sagrado Coração de Jesus.

Esses fiéis representam muitos outros, marcados na história, por se dedicarem a evangelizar naquela região. Em 1960, dom João Resende Costa manifesta alegria em poder receber os missionários da Congregação do Sagrado Coração de Jesus de Betharram na Arquidiocese de Belo Horizonte e lhes faz um pedido: cuidar de uma paróquia, que seria instalada em 1960. Veja a carta enviada por dom João ao padre Henrique Lasuen. 

Os fiéis se uniram aos religiosos e edificaram a Igreja Matriz da Paróquia

A festa de preparação para a instalação da Paróquia reuniu muita gente. Ruas enfeitadas. Alegria e esperança para novos passos na ação evangelizadora da Igreja. Nesta imagem, ao fundo, o Morro das Pedras.

Dom João Resende Costa é calorosamente recebido pelos fiéis, no dia 31 de dezembro de 1960, para a Missa de instalação da Paróquia.

O padre Henrique Lausen celebra a Eucaristia pela primeira vez após ser nomeado pároco da nova Paróquia. Uma alegria para toda a comunidade.

 

 

O sacerdote, nascido na argentina, faleceu em 2016, com 94 anos,  mas é sempre lembrado com muito carinho pelas comunidades de fé da Paróquia.

 

 

 

 

 

 

Em 2020, a Paróquia Sagrado Coração de Jesus celebrou 60 anos de história a serviço da evangelização. Um bonito caminho no coração de Jesus e da Arquidiocese de Belo Horizonte.

“Nossa história nas comunidades”

A Arquidiocese de Belo Horizonte vai contar a sua história a partir da sua rede de comunidades de fé. Para essa missão, pede a ajuda de seus evangelizadores, especialmente dos padres, profissionais das secretarias paroquiais e agentes da Pastoral de Comunicação. O objetivo é reunir um acervo com fotos e outros registros que testemunhem a história de cada comunidade paroquial. Podem ser registros fotográficos de eventos especiais, de evangelizadores marcantes, ou mesmo cartas e mensagens que ajudem a apresentar a história das comunidades paroquiais.

A iniciativa busca resgatar imagens, textos e outros registros que estão nos arquivos das paróquias e comunidades de fé. Preciosidades que merecem ser mais conhecidas por todos, pelo valor histórico e afetivo. Vamos publicar esse tesouro nas redes sociais, sites e meios de comunicação da Arquidiocese de Belo Horizonte.

O endereço de e-mail para nos enviar os registros de sua comunidade paroquial é: imprensa@arquidiocesebh.org.br. 

Importante registrar, em breve texto, o histórico do registro que está sendo partilhado.