Você está em:

101 Anos: “Fazer crescer a palavra de Deus: essa é a nossa tarefa”, diz dom Walmor em Celebração Solene na Catedral Cristo Rei

Nessa sexta-feira, dia 11 de fevereiro, dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidiu Missa Solene de Ação de Graça pelo aniversário de 101 anos da Arquidiocese de Belo Horizonte, na Catedral Cristo Rei. A Celebração integra a programação de conclusão do Ano Jubilar Centenário da Arquidiocese, que será vivido até o mês de abril. A Eucaristia foi marcada por momentos especiais, a exemplo do rito de Ordenação Diaconal de Seminaristas do Seminário Arquidiocesano Coração Eucarístico de Jesus.

Em sua homilia dom Walmor lembrou que vieram se juntar à alegria da Ordenação Diaconal, momentos muito singulares para a Igreja: o aniversário da amada Arquidiocese de BH, o dia de Nossa Senhora de Lourdes, além do lançamento do Ano Pastoral 2022, que se inicia nas cinco Regiões Episcopais da nossa Arquidiocese. Dom Walmor ressaltou ainda, com especial afeto, o dia Mundial dos Enfermos, também celebrado nesta sexta-feira, 11 de fevereiro. “Precisamos ser solidários, próximos e hospitaleiros com os que sofrem.” O Arcebispo lembrou a cada um de nós a especial tarefa: “Fazer crescer a palavra de Deus. Não podemos fazer pouco, ou apenas o que está na comodidade do nosso fazer, precisamos fazer mais, assumir as urgências desse tempo com respostas novas.”

Dom Walmor também fez questão de destacar a importância do cuidado que devemos ter com a Casa Comum e uns com os outros: “Para transformar o mundo em um lugar melhor há muito trabalho a ser feito, por toda a Igreja, por cada sacerdote, família, por cada um de nós. Devemos usar nossas aptidões, que são dons de Deus a serviço dos outros. O Senhor subiu ao monte e nos chamou para si, para vivermos uma experiência mística, que faz nascer a profecia de ajudarmos o mundo a ser um lugar melhor.” Indicando que não podemos esquecer, neste caminho, o cuidado com a vida , que é um dom divino em todas as suas etapas, dom Walmor destacou ainda sobre a necessidade da dedicação com os nossos irmãos e irmãs, nosso próximo, com os que sofrem. Mas também a nos dedicarmos à oração e estar atentos à pregação.

Sete diáconos

Durante Ordenação Diaconal  dos seminaristas que estão se preparando para o ministério sacerdotal: Ellison D. da Costa Gomes, Júnior Luiz de Azevêdo, Marcos Antônio Alves de Souza, Robson  Fernando Reis, Rociny Fernandes dos Santos, Thelis Luiz Gonçalves e Wallafe Augusto Santa Xavier, dom Walmor lembrou virtudes que acompanham os diáconos: solicitude no trabalho e constância na oração. E recordou o ensinamento de São Clemente de Alexandrino: “Quem é discípulo de Jesus tem que ser digno do Reino.”

A bonita Eucaristia, que celebrou a Ordenação dos sete diáconos e também os 101 anos da Arquidiocese de BH, o Dia de Nossa Senhora de Lourdes e dos Enfermos, a abertura do Ano Pastoral 2022, foi transmitida ao vivo pela TV Horizonte no canal aberto 30.1 HDTV, no site (www.tvhorizonte.com.br) e também pelo aplicativo Rede Catedral.

Proclamar a Palavra

Iniciado no dia 11 de fevereiro de 2021, no centésimo aniversário da Arquidiocese de Belo Horizonte, o Ano Jubilar, será concluído em abril de 2022 – 100 anos do início do ministério do primeiro arcebispo metropolitano, dom Antônio dos Santos Cabral. O Centenário destaca o tema do Projeto de Evangelização da Arquidiocese de Belo Horizonte: “Proclamar a Palavra.”

Fotos: Bruno Timóteo