Você está em:

30 de maio, 2ª feira da 7ª Semana da Páscoa.

Baixar áudio
-Hoje é dia 30 de maio 2ª feira da 7ª Semana da Páscoa.

-“No mundo tereis provações. Mas tende coragem. Eu venci o mundo”, disse Jesus a seus discípulos. Coragem é o que a vida requer de nós, já dizia Guimarães Rosa. “O correr da vida embrulha tudo. A vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem” Se a máxima do genial escritor mineiro vale para todos, quanto mais para nós cristãos. Somos herdeiros de Jesus, aquele que enfrentou as adversidades do mundo com coragem. Peça ao Senhor coragem a cada dia de sua vida.

-Ouçamos com atenção esse relato, tirado do Evangelho de João, capítulo 16, versículos 29 a 33.

Naquele tempo: Os discípulos disseram a Jesus:
'Eis, agora falas claramente e não usas mais figuras.
Agora sabemos que conheces tudo e que não precisas que alguém te interrogue.
Por isto cremos que vieste da parte de Deus.
Jesus respondeu: 'Credes agora? Eis que vem a hora - e já chegou -
em que vos dispersareis, cada um para seu lado, e me deixareis só.
Mas eu não estou só; o Pai está comigo.
Disse-vos estas coisas para que tenhais paz em mim.
No mundo, tereis tribulações.
Mas, tende coragem! Eu venci o mundo!'

- Coragem! Uma palavrinha simples, mas que faz a diferença na vida da gente. Ela não é o contrário do medo, mas o antídoto que pode vencê-lo. Não é coisa para gigantes, nem atitude própria dos heróis. É apenas a teimosia de continuar vivendo, resistindo, insistindo, acreditando, esperançando em tempos de tribulação. A coragem põe a gente a caminho; o medo paralisa. A coragem nos leva em direção ao outro; o medo nos distancia das pessoas. A coragem nos faz abrir os braços em acolhida; o medo nos fecha em nosso próprio mundo tenebroso, povoado de fantasmas e ameaças.

- Como enfrentar o medo? Como assumir a atitude corajosa de Jesus diante das ameaças, da perseguição e da morte?

- Mas, tende coragem! Eu venci o mundo!', diz Jesus. Vencemos o medo certamente não pelas nossas próprias forças, mas pela força daquele que nos chamou e nos amou desde o princípio, pela certeza de que não estamos sós, de que o Pai nos abraça e nos cuida pelo poder de seu Espírito. Diz assim o poema/oração de Solange do Carmo:

Senhor Jesus, Deus da vida,
Somos fracos, mas sabemos que não estamos sós.
O teu Espírito habita em nosso coração.
Ele, que é a promessa do teu Pai,
Ele, que foi enviado por ti para nos capacitar na missão,
Ele é a nossa força,
É a nossa luz
E nos acompanha na dura jornada da vida.
Ainda que venhamos a cair, não estamos sós.
Ainda que venhamos a desanimar, não estamos sós.
Ainda que venhamos a ter muitos medos, não estamos sós.
Grata por nos encher de sua coragem,
Por estar conosco nas empreitadas da vida.
Amém.

-Silencie seu coração e abra-se ao amor do Pai, o mesmo amor que sustentou Jesus na fidelidade na hora da crise, da dor e do sofrimento. Deixe o espírito de Deus te fortalecer, te encorajar para amar sem medidas.

- Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, como era no princípio agora e sempre. Amém