Você está em:

26 de outubro, 3ª feira da 30ª Semana do Tempo Comum

Baixar áudio
- Hoje é dia 26 de outubro, terça-feira da 30ª semana do Tempo Comum

- “A que é semelhante o Reino de Deus?” Grande desafio para nós perceber o Reino de Deus presente, atuante, envolvente em nosso meio. Ele cresce. Ocupa seu espaço. O Tempo Comum é esta oportunidade que temos de irmos experimentando essa presença misteriosa que vai fecundando toda nossa vida e nos cativando. Peça ao Senhor a graça de acolher a Sua Palavra. Que ela encontre morada em teu coração para animar e encorajar teu testemunho de fé.

- Escuta o Evangelho segundo Lucas, capítulo 13, versículos 18 a 21:

Naquele tempo, Jesus dizia: “A que é semelhante o Reino de Deus, e com que poderei compará-lo? Ele é como a semente de mostarda, que um homem pega e atira no seu jardim. A semente cresce, torna-se uma grande árvore, e as aves do céu fazem ninhos nos seus ramos”. Jesus disse ainda: “Com que poderei ainda comparar o Reino de Deus? Ele é como o fermento que uma mulher pega e mistura com três porções de farinha, até que tudo fique fermentado”.

- A realidade do Reino de Deus é perceptível aos olhos da fé. Ação escondida, misteriosa, acolhedora, que vai crescendo em nós e transbordando no nosso jeito de ser. É de misericórdia e justiça que esse reino clama sua presença. Não é de maneira ostensiva que ele acontece. É pequeno grão de mostarda. É fermento na massa. É força de vida que irrompe a existência humana. Converse com Deus sobre sua disponibilidade em ser presença do seu reino na história, como agente de transformação, promovendo a paz...

- Assuma teu compromisso com o Reino de Deus. Também és responsável por ele, no testemunho da tua fé. Quais as experiências em tua vida que são semelhantes ao Reino que Jesus anunciou? O que tens feito para contribuir com a presença dele?

- “O Reino de Deus é como a semente de mostarda que um homem atira num jardim... é como o fermento que uma mulher mistura na farinha”. Deus conta com colaboradores no seu reinado. Homem e mulher chamados a serem sinais de uma presença silenciosa, mas muito viva e transformadora. Ouça a oração de Anselm Grun para uma terça-feira:

Se vós – o mistério – habitais em mim,
então posso ficar tranquilo em minha casa.
Neste espaço interior está a fonte
de vosso santo Espírito.
A ela posso recorrer
sem me cansar.
Mesmo que me sinta
cansado e esgotado agora,
sei que vossa fonte
nunca secará em mim,
porque ela é divina.

Neste espaço de sossego
ninguém pode ferir-me.
Lá também não podem penetrar
as acusações e os sentimentos de culpa.
Lá posso ser totalmente eu mesmo,
convosco e em vós.
Ali anseio por aconchego e proteção,
liberdade e entendimento.
Ali tudo é felicidade em mim.

- Termina a tua oração pedindo que o reino de Deus cresça em ti, transforme os teus sentimentos e seja a tua força. Que a paz e a justiça que ele traz, venha com a porção do Espírito Santo derramado em teu coração.

- Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo; como era no princípio, agora e sempre. Amém!