Você está em:

24 de novembro, 4ª feira da 34ª Semana do Tempo Comum

Baixar áudio
- Hoje é dia 24 de novembro, 4ª feira da 34ª semana do tempo comum.

- No Evangelho de hoje Jesus apresenta aos discípulos um contexto de conflito e perseguição por causa do anúncio do seu nome, do seu projeto, do seu Evangelho. Jesus deixa claro que os seus seguidores enfrentarão dificuldades com as autoridades, diante de quem deverão depor, e também diante dos próprios familiares e amigos. Porém, seja como for, o Senhor lhes dará a palavra certa e protegerá. Peça ao Senhor pelos inúmeros cristãos que hoje são torturados, presos e mortos por causa de Jesus.

- Escuta essa passagem do Evangelho Segundo Lucas, Capítulo 21, versículos 12 a 19:

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
Antes que estas coisas aconteçam, sereis presos e perseguidos;
sereis entregues às sinagogas e postos na prisão;
sereis levados diante de reis e governadores por causa do meu nome.
Esta será a ocasião em que testemunhareis a vossa fé.
Fazei o firme propósito de não planejar com antecedência a própria defesa;
porque eu vos darei palavras tão acertadas, que nenhum dos inimigos vos poderá resistir ou rebater. Sereis entregues até mesmo pelos próprios pais,
irmãos, parentes e amigos. E eles matarão alguns de vós.
Todos vos odiarão por causa do meu nome. Mas vós não perdereis
um só fio de cabelo da vossa cabeça.
É permanecendo firmes que ireis ganhar a vida!

- Enquanto o Reino não for plena realidade, os conflitos acontecerão, pois haverá quem não olhe o mundo pelas lentes do amor. E, enquanto os conflitos acontecem, é preciso anúncio pelo testemunho, para que mais pessoas se abram ao Reino de Deus. Seguir Jesus no dia-a-dia exige coragem. Queremos seguir Jesus, mas nem sempre estamos dispostos a nos comprometer. Entretanto, precisamos ter em mente que essa obra não é nossa, é de Deus. Somos porta-vozes do Evangelho, seja no que fazemos ou no que falamos; seja na vida em sociedade ou na convivência com os amigos e a família. Peça ao Senhor coragem, firmeza para continuar sendo amigo e amiga de Jesus num mundo cheio de conflitos.

-O testemunho de Jesus exige rompimento com estruturas injustas, mesmo que estejamos acostumados com elas. Exige disposição até mesmo para um conflito conosco mesmos para superar hábitos e relações que não estão de acordo com o Evangelho que queremos testemunhar. Isso é conversão. Como você testemunha o amor de Jesus? Você procura ser heroico perseverando no amor a Deus e ao próximo, na adversidade e na alegria? Como você anuncia o Reino de Deus? Como você reage aos ataques contra a Igreja e os cristãos em várias partes do mundo?

-“Todos vos odiarão por causa do meu nome”, diz Jesus no evangelho de hoje. Não queremos conflitos, mas queremos o Reinado de Deus. Diz a música “Se calarem a voz do profeta”:

Se calarem a voz dos profetas
As pedras falarão
Se fecharem os poucos caminhos
Mil trilhas nascerão

Comungar é tornar-se um perigo
Viemos pra incomodar
Com a fé e a união nossos passos
Um dia vão chegar

- Termina tua oração pedindo ao Senhor a coragem para viver e testemunhar o Evangelho. Peça também pelos cristãos que estão sofrendo perseguição neste momento em vários lugares do mundo.

- Glória ao Pai, ao Filho e ao Espirito Santo. Como era no princípio agora e sempre. Amém!