Você está em:

22 de Outubro, 6ª feira da 29ª Semana do Tempo Comum

Baixar áudio
- Hoje é dia 22 de outubro, sexta-feira da 29ª Semana do Tempo Comum

- Jesus nos chama a atenção para uma situação muito importante: aprender a ler os sinais dos tempos. Diz que sabemos interpretar os sinais visíveis da natureza, mas o mais importante é sabermos avaliar os sinais do tempo presente. Pode-se descobrir os sinais de Deus em meio a tantos outros, através de discernimento e é na pessoa de Jesus que vai se descobrindo e realizando o “hoje” da nossa vida. Peça ao Senhor que o ajude no discernimento dos sinais de sua presença, e assim, viver conforme lhe agrada.

- Abra o coração e acolha com carinho e atenção o Evangelho de Jesus Cristo Segundo Lucas, Capítulo 12, versículos 54-59:
Jesus dizia às multidões: “Quando vedes uma nuvem no ocidente, logo dizeis que vem chuva; e assim acontece. Quando percebeis o vento sul, logo dizeis que vai fazer calor; e assim acontece. Hipócritas! Sabeis avaliar o aspecto da terra e do céu e não sabeis avaliar o tempo presente? Por que não julgais por vós mesmos o que é justo? Quando, pois, estais indo com teu adversário ao magistrado, esforça-te por reconciliar-te com ele enquanto ainda estais a caminho. Senão ele te levará ao juiz, o juiz te entregará ao guarda, e o guarda te lançará na prisão. Eu te digo: dali não sairá enquanto não pagares o último centavo”.
- Quando Jesus critica as multidões é porque percebe, pelas suas atitudes que eles ainda não se deram conta que os tempos atuais são outros, que o Filho de Deus encarnado já se faz presente e acontecerá a ressurreição. Ele espera que as pessoas possam distinguir os sinais do Reino e dele ser sinal para os outros, promovendo o perdão e a reconciliação. Peça ao Senhor que o ajude a ser sinal de misericórdia, perdão e reconciliação na vida das pessoas.

- Quais atitudes você tem realizado a serviço da vida? Identifica os atos de acolhida e solidariedade aos mais sofridos que sua comunidade realiza? O que o Senhor espera de você?

- “Sabeis interpretar o tempo presente?” – “Por que não julgais por vós mesmos o que é justo?”, disse Jesus no evangelho. Vejamos o que diz o Salmo 119:

Tornei-me mais prudente que todos os que me ensinam
Porque teus ensinamentos são a minha meditação.
Compreendo mais que os anciãos,
Porque tenho observado teus preceitos.
Desvio mês pés de todo mau caminho,
Para guardar as tuas palavras.
Não me afastei dos teus julgamentos,
Porque tu me ensinaste.
Quão doces ao meu paladar são as tuas promessas,
Mais do que o mel para minha boca.
Dos teus preceitos recebi a inteligência,
Por isso odeio todo caminho mentiroso.
Lâmpada para os meus pés é a tua Palavra,
E luz para minhas veredas.
Jurei e confirmo:
Guardarei os teus justos julgamentos.

- Termine sua oração dando graças ao Senhor pela sua presença em sua vida. Peça a ele também o dom do discernimento.

- O Senhor nos abençoe e nos guarde. O Senhor nos mostre o Seu rosto brilhante. O Senhor nos conceda sempre a sua paz. O Senhor nos abençoe e nos guarde hoje e sempre. Amém!