Você está em:

17 de setembro, sábado, 24ª Semana do Tempo Comum

Baixar áudio

- Hoje é dia 17 de setembro, sábado da 24ª Semana do Tempo Comum. Dia de São Roberto Belarmino, bispo e doutor da Igreja, e Sta Hildegarda de Bingen, virgem e doutora da Igreja.

-Estamos no mês da Bíblia, a Igreja nos convidou a refletir o Livro de Josué que mostra a fidelidade de Deus na conquista da terra prometida. O livro revela também a infidelidade do povo que vai levá-lo a perder a terra e a sofrer sob as mãos dos inimigos no cativeiro da Babilônia. Mas aqui nos ocupamos do Evangelho da Liturgia de hoje. Nele Jesus anuncia a Boa Nova do Reino por meio de parábolas. É seu jeito especial de fazer com a Palavra de Deus encontre em nós terra fértil e tenha condições de produzir muitos frutos.

- Com o coração e ouvidos abertos, acolha com carinho o Evangelho de Jesus Cristo Segundo Lucas, Capítulo 8, versículos 4 a 15.

“Ajuntou-se uma grande multidão, e de todas as cidades iam até Jesus. Ele, então, contou uma parábola: “O semeador saiu a semear. Ao semear, uma parte da semente caiu à beira do caminho e foi pisada; e os pássaros do céu a comeram. Outra parte caiu sobre as pedras; brotou, mas secou, por falta de umidade. Outra parte caiu entre os espinhos e, crescendo ao mesmo tempo, os espinhos a sufocaram. Ainda outra parte caiu em terra boa; brotou e deu frutos, até cem por um”. Depois de dizer isso, ele exclamou: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça!” [...] Jesus, então, disse: “A vós foi dado conhecer os mistérios do Reino de Deus.”

-Ao terminar de contar a Parábola Jesus se volta para os discípulos e diz que a eles, àqueles que o seguem de perto, foi dado conhecer os mistérios do Reino, mas para aqueles que não o seguem permanecerão sem conhecer: Este é o sentido dessa fala de Jesus: “Aos outros, porém, só por meio de parábolas, de modo que, olhando, não enxerguem e, ouvindo, não entendam.” Somos chamados a dar atenção à Sua Palavra. Peça ao Senhor que te ajude ser seu discípulo e a participar de sua missão na Igreja e no mundo.

-Ouça Jesus dizendo para você: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça!”. Procure identificar o significado disso para sua vida e caminhada.

- “O semeador saiu a semear”, diz o evangelho. Semeia Sempre. Um poema de um autor desconhecido nos diz assim:

No campo, tu és um semeador.
Não podes fugir da responsabilidade de semear.
Não digas que o solo é árido, que não chove frequentemente,
Que o sol queima , ou que a semente não serve.
Não é a tua função julgar a terra e o tempo.
Tua missão é semear. A semente é abundante![...]
E ao semear, não penses: quanto receberei em troca?
Quanto demorará a colheita?
Recorda que não semeias para te envaidecer, para receberes agradecimentos.
Tu semeias porque não podes estar ocioso,
porque não podes viver sem dar e sem doar-te.
E isso, porque tu semeias no Reino onde dar é receber,
Onde perder a vida é encontrá-la, onde gastar servindo é aumentar.
Semeia, semeia sempre...

- Termine sua oração colocando-se diante de Jesus, que vem ao nosso encontro para nos animar, para nos fazer semeadores de boas sementes, semeadores do Reino...

- Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém!