Você está em:

16 de maio, 2ª feira da 5ª semana da Páscoa

Baixar áudio
-Hoje é dia 16 de maio, 2ª feira da 5ª semana da Páscoa.

-No evangelho de hoje Jesus continua seu discurso de despedida. Lembra aos discípulos que observar os mandamentos é prova de amor a Ele. O seguimento aos mandamentos é resposta ao encontro pessoal com Jesus que entrou na vida do discípulo. Jesus promete o envio do Espírito Santo e assim não deixará os discípulos sozinhos. Nem a nós hoje. Peça ao Senhor que te ajude a viver o amor em meio aos afazeres do dia-a-dia.

-Escuta o evangelho de João, capítulo 14, versículo 21 a 26:

“Quem acolhe os meus mandamentos e os observa, esse é quem me ama. Ora quem me ama será amado o meu Pai e eu o amarei e me manifestarei a ele. Judas, não o Iscariotes, perguntou-lhe: “Senhor, como se explica que tu te manifestarás e não e não ao mundo? Jesus respondeu-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra; meu Pai o amará, e nós viremos a ele e nele faremos nossa morada. Quem não me ama, não guarda as minhas palavras. E a palavra que ouvis não é minha, mas do meu Pai que me enviou. Eu vos tenho falado dessas coisas estando ainda convosco. Ora, o Paráclito, o Espírito Santo que o Pai enviará em meu nome, ele vos ensinará tudo o que eu vos tenho dito”.

- Jesus é muito claro, ama verdadeiramente a Ele quem pratica a Palavra de Deus, quem observa os mandamentos. Jesus resume todos os mandamentos no mandamento do amor. Amar a si mesmo, amar as pessoas e amar Deus. Jesus não deixa dúvidas que a prática dos ensinamentos dele é expressão do amor a Deus Pai, que abre o nosso coração para sermos morada da Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo. Peça ao Senhor que envie seu Espírito para te ajudar a mais amar e servir.

- Como ressoou em você a prática dos mandamentos com o amor a Jesus? Revendo sua vida, você via esse seguimento como uma lista de mandamentos a serem cumpridos? E caso não o fossem, você seria castigado? Como esse discurso pode estar mudando sua forma de experimentar a Palavra de Deus?

- “Quem acolhe os meus mandamentos e os observa, esse é quem me ama”, diz Jesus no evangelho de hoje. Tantos cristãos testemunharam o seu amor a Jesus. A oração/poema de São Francisco é a prova de alguém que viveu intensamente a Paz para encontramos força e coragem para vivermos o mandamento do amor que Jesus nos pede.

Senhor, fazei de mim um instrumento da vossa paz
Onde houver ódio, que eu leve o amor
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão
Onde houver discórdia, que eu leve a união
Onde houver dúvida, que eu leve a fé
Onde houver erro, que eu leve a verdade
Onde houver desespero, que eu leve a esperança
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria
E onde houver trevas, que eu leve a luz
Ó Mestre, fazei que eu procure mais
Consolar que ser consolado
Compreender que ser compreendido
Amar que ser amado
Pois é dando que se recebe
É perdoando que se é perdoado
É morrendo que se vive para a vida eterna
Amém

-Termina sua oração pedindo ao Espírito Santo que Ele nos ensine e nos recorde de tudo a ser seguido para continuarmos correspondendo ao chamado de verdadeiros discípulos.

-Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém.