Você está em:

04 de agosto, 5ª feita, Memória de São João Maria Vianney

Baixar áudio
- Hoje é 04 de agosto, 5ª feira, Memória de São João Maria Vianney.

- Para conhecer melhor uma pessoa, precisa haver um relacionamento fiel e de proximidade. No evangelho de hoje Jesus pergunta a Pedro quem Ele é. Só conseguiremos responder a essa pergunta sobre Jesus à medida que fizermos uma experiência pessoal com ele. Diga ao Senhor quem Ele é para você.

– Escuta o Evangelho de Mateus, Capítulo 16, versículos 13 a 23:

Naquele tempo, Jesus foi à região de Cesareia de Filipe
e ali perguntou aos seus discípulos:
"Quem dizem os homens ser o Filho do Homem?"
Eles responderam: "Alguns dizem que é João Batista;
outros que é Elias; Outros ainda, que é Jeremias ou algum dos profetas".
Então Jesus lhes perguntou:
"E vós, quem dizeis que eu sou?" Simão Pedro respondeu:
"Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo".
Respondendo, Jesus lhe disse:
"Feliz és tu, Simão, filho de Jonas, porque não foi um ser humano que te revelou isso, mas o meu Pai que está no céu.
Por isso eu te digo que tu és Pedro,
e sobre esta pedra construirei a minha Igreja,
e o poder do inferno nunca poderá vencê-la.
Eu te darei as chaves do Reino dos Céus: tudo o que tu ligares na terra
será ligado nos céus; tudo o que tu desligares na terra
será desligado nos céus".
Jesus, então, ordenou aos discípulos que não dissessem a ninguém que ele era o Messias. Jesus começou a mostrar aos seus discípulos
que devia ir à Jerusalém e sofrer muito da parte dos anciãos,
dos sumos sacerdotes e dos mestres da Lei,
e que devia ser morto e ressuscitar no terceiro dia.
Então Pedro tomou Jesus à parte e começou a repreendê-lo, dizendo:
"Deus não permita tal coisa, Senhor! Que isto nunca te aconteça!"
Jesus, porém, voltou-se para Pedro, e disse: "Vai para longe, Satanás!
Tu és para mim uma pedra de tropeço, porque não pensas as coisas de Deus
mas sim as coisas dos homens!"

- Neste evangelho vemos a profissão de fé de Pedro. Estando diante de Jesus, é necessário tomar posição. A partir da resposta à pergunta “quem é Jesus?”, o discípulo e a discípula podem discernir seu caminho e fazerem suas escolhas. Viver como Jesus viveu fazendo bem as pessoas. Tratar com amor as pessoas com quem convivem. Ajudar as pessoas que precisam de nós é fazer o que Jesus fez. É verdade que nem sempre é fácil. Peça a Jesus que ajude você nas situações difíceis, com doença, dificuldades financeiras, desentendimentos, mas levante a cabeça, faça tudo o que está ao seu alcance e confie, reze.

- E se Jesus perguntasse a você: Quem sou eu para você? O que você responderia?
Em que sua vida no dia a dia, na relação com as pessoas fala de Jesus? Ou em nada você se assemelha a ele?

- "Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo", diz Pedro a Jesus. Com essa certeza podemos viver com a firme decisão de saber em quem colocamos nossa confiança. Nada pode nos separar do amor de Cristo, como diz a música:

“Quem nos separará do amor de Deus? /
Quem nos separará do amor de Cristo? /
Nem a morte, nem a vida, nem os anjos /
Poderão nos separar do amor de Deus.
Quem está em Cristo Jesus! /
Nem o presente, nem o porvir, /
Nem as alturas, nem a profundidade /
Ou criatura alguma, poderá nos separar /
Do amor de Deus, /
Quem está em Cristo Jesus!

- Termina sua oração pedindo que o Senhor te dê sempre a graça de reconhecê-lo. Diga a Ele que o ama. Faça sua profissão de fé Nele.

- “O Senhor te abençoe e te guarde! O Senhor faça resplandecer a sua face sobre ti e te dê a paz”! Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!