Você está em:

Papa Francisco destaca o papel dos avós na família e na sociedade

O Papa Francisco retomou a catequese sobre a vocação dos avós e dos idosos na família e na sociedade, durante a audiência geral desta semana.O Santo Padre propôs uma reflexão na qual ele próprio se incluiu em razão da própria idade e afirmou que às vezes a sociedade descarta os mais velhos mas Deus não o faz. Pelo contrário, oferece-lhes uma graça e uma missão particular:

“É importante sublinhar uma primeira coisa: é verdade que a sociedade tende a descartar-nos, mas certamente não o Senhor. Ele chama-nos a segui-lo em cada idade e também os idosos têm uma graça e uma missão, uma verdadeira vocação do Senhor.”

O Santo Padre recordou as figuras de Simeão e Ana que, segundo o Evangelho, ao reconhecerem o Menino Jesus no Templo, descobriram nova força e nova vocação: dar graças e testemunho deste sinal de Deus. É, particularmente, no testemunho da oração que os mais velhos se tornam grande dom para a Igreja – sublinhou o Santo Padre:

“Simeão improvisou um belíssimo hino de júbilo e Ana tornou-se a primeira pregadora de Jesus: falava do Menino a todos os que esperavam a redenção de Jerusalém”.

“Coloquemo-nos também nós na senda destes velhos extraordinários” – afirmou o Santo Padre – “ porque é um grande dom na Igreja a oração dos velhos e dos idosos”.

O Papa Francisco concretizou esta ideia indicando o exemplo de Bento XVI:

“Olhemos para o exemplo do Papa Bento XVI, que decidiu passar a na escuta e na oração a Deus última etapa da sua vida.”

“Através da oração” – considerou o Santo Padre – “agradecem-se os benefícios recebidos, intercede-se pelos anseios das gerações mais jovens, recorda-se aos jovens que uma vida sem amor é um deserto, dá-se ânimo aos jovens angustiados ensinando-lhes que há mais alegria em dar do que em receber”.

O Santo Padre concluiu a catequese desejando que o diálogo entre jovens e idosos possa se tornar para a Igreja uma força capaz de superar o desafio da cultura do descarte.

O Papa Francisco saudou também os peregrinos de língua portuguesa:

Caros peregrinos de língua portuguesa: sede bem-vindos! Faço votos de que as comunidades cristãs ofereçam ao mundo um testemunho de respeito e veneração pelos idosos, conscientes de que eles podem transmitir de um modo privilegiado o sentido da fé e da vida! Obrigado pela vossa presença!

 

Cofira ainda a entrevista do Papa Francisco à Cárcova News, revista publicada por jovens de uma comunidade pobre a Argentina.

 

PAPA FRANCISCO ANUNCIA O ANO DA MISERICÓRDIA

 

CATÓLICOS CELEBRAM COM ALEGRIA E ESPERANÇA OS DOIS ANOS DE PONTIFICADO DO PAPA FRANCISCO