Paróquia

Paróquia Nossa Senhora da Saúde

07h

10h
19h
19h
- Missa da Família
19h
19h
19h

Comunidade São Pedro

Domingo
08h30

Comunidade Nossa Senhora da Conceição

Domingo
17h

Comunidade Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Quinta-feira
19h - Missa na Capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Comunidade São Cristóvão

Sábado
17h
Você está em:

Voluntária da Paróquia N. Sra. das Graças cria projeto social gratuito de corte de costura.

As aulas acontecem segunda e quinta, de 18 às 20 h.

 

Por: Eliete Lopes

A cerca de um mês a costureira e voluntária da Paróquia N.Sra.das Graças Elza Vianini dos anjos, 65 anos, começou a dar aulas de corte de costura gratuita, com apenas cinco alunas, no espaço cedido pela Sociedade São Vicente de Paulo (SSVP), no bairro Concórdia, região Nordeste de Belo Horizonte. Em uma corrente do bem, hoje,  o projeto já  conta com 15 alunas.

 

Por trás das mãos habilidosas e o coração cheio de amor, está a delicadeza  de administrar as aulas –  dos primeiros passos da costura, ao   processo final. Foi através de da sua empatia pelo que faz, que as alunas deram o nome ao projeto: ‘A Casa de Costura Elza Vianini’.

Ela conta que  teve ideia de querer  ensinar pessoas interessadas a aprender a costurar. Mesmo sem ter um espaço, não desistiu de sonhar. Com isso, entrou em contato com a Sociedade São Vicente de Paulo (SSVP), e foi disponibilizado um espaço para então começar à dar aula.

Grata por dedicar duas horas do seu tempo ao próximo, a costureira se sente satisfeita em  contribuir com seu trabalho com tanto carinho.

Ensinar o que faço desde aos treze anos de idade, é uma satisfação em aproximar pessoas que  sempre sonharam em aprender e não tiveram oportunidade”.

Com olhares atentos é ensinando passo à passo os detalhe. Ela conta que para aprender é preciso começar das pequenas peças.

Sempre ensino pra elas  começarem pelas peças de recém nascidos e depois as peças de adultos”. 

Até as crianças não ficam de fora! De olho na explicação da professora, elas ficam atentas para não errar. Incentivada pela filha, de 3 anos, e o sonho de empreender,  a enfermeira  Eunice Morais, aluna do curso, conta que a filha sempre pede pra fazer roupas de boneca para ela.

Ela me pede sempre pra fazer roupinhas para sua boneca. Só de saber que estou conseguindo fazer peças de bonecas, já é uma vitória”.

Futura empreendedora

‘Da teoria à pratica’ é o que pretende a enfermeira Eunice. Ela conta desde que começou a frequentar o curso já ganhou duas máquinas e quer colocar em prática tudo que aprendeu e montar seu próprio negócio.

Sempre tive um sonho de aprender a costurar, e agora, que surgiu a oportunidade, quero um dia  começar a trabalhar em casa e ficar perto dos meus filhos”, disse.

Desafios

Entre as dificuldades da Organização, além carência e apoio – hoje o projeto  não conta com nenhuma parceria para suprir as necessidades da associação. Os tecidos usados nas aulas são doados por uma das alunas.

Estamos em busca de parceiros que possam doar uma máquina de costura, para melhoria dos nossos serviço”, almeja. “Estamos no início do projeto, e a intenção é ampliar nossos serviços na comunidade”, acrescenta Elza.

Perspectivas

Diante das necessidades da casa, as alunas pretendem contribuir com aprendizados: montar um bazar com as próprias roupas confeccionadas na Organização e, alfabetizar pessoas que não sabem ler e escrever, como explica a dona de casa e aluna Ana Paula Souza, de 46 anos.

Nossa proposta futuramente é alfabetizar pessoas com aulas gratuitas, e encaminhá-las para o curso de costura. Além disso, as roupas feitas pela casa, serão  distribuídas à famílias carentes da comunidade, e, com a inciativa do bazar,  a renda atribuídas será destinada à instituições sociais. 

 

Endereço:: rua Tamboril – 711 – bairro Concórdia

Horário:  18 a 20h – segunda e quinta – feira

Telefone: (031) 34231251

VEJA TAMBÉM