Paróquias amparam moradores em situação de rua no inverno

Paróquia Santa Teresa e Santa Teresinha acolhe pessoas em situação de rua na Casa de Francisco

“Amar, servir e acolher com alegria, tocando vidas”.  Esse é o sentimento que move todos os envolvidos na criação da  Casa de Francisco, iniciativa da Paróquia Santa Teresa e Santa Teresinha, que está em pleno funcionamento desde o início deste mês de julho, no bairro Santa Teresa, Região Leste de Belo Horizonte. Uma iniciativa muito necessária no inverno, mas que vai se estender por todo o ano.

As pessoas amparadas têm à sua disposição infraestrutura para banho e toda higiene pessoal , doação de roupas e calçados, atendimento médico,  corte de cabelo e manicure. Na inauguração, da Casa de Francisco, com  todos participaram de momentos de muitas alegria com atividades recreativas. O café da manhã e o almoço são preparados com muito carinho, ingrediente que também a alma.

O pároco da Paróquia Santa Teresa e Santa Teresinha, padre Márcio Ribeiro celebra a abertura da Casa de Francisco, segundo ele, um sonho realizado com muito trabalho e o apoio da comunidade. O sacerdote explica que o atendimento aos irmãos em situação de rua, é realizado, às terças-feiras e todo primeiro sábado do mês. “De início vamos atender 20 irmãos semanalmente e 20 irmãos no primeiro sábado”.

Todos podem participar, fazendo doações  calçados, preferencialmente com tamanhos acima do número 38,  e roupas.

O padre Márcio Ribeiro faz questão de agradecer a todos que tornaram possível essa iniciativa de amparo aos mais pobres e lembra que o êxito dessa obra depende da participação e da colaboração de todos.

Para ajudar, é só entrar em contato com a Paróquia pelo telefone 3461-9648 ou pessoalmente. O endereço é Praça Duque de Caxias, 200, Bairro Santa Teresa.

Paróquia Nossa Senhora da Saúde acolhe moradores em situação de rua durante o período de frio

Em Lagoa Santa, município que integra a Arquidiocese de Belo Horizonte, uma iniciativa da Paróquia Nossa Senhora da Saúde organizou um espaço para acolher os moradores em situação de rua durante os períodos de frio.

A ideia é abrigar e alimentar os moradores durante à noite. Para isso, será providenciado uma sala no Centro Catequético, na Rua Marechal Deodoro da Fonseca, no Centro, que oferecerá lanche, café e um lugar para os moradores de rua dormirem.

A Igreja conta a ajuda e participação da comunidade com doações de colchões, agasalhos, cobertores e lençóis. As doações podem ser entregues na Secretária da Paróquia Nossa Senhora da Saúde, na Praça Dr. Lund, 160. Centro de Lagoa Santa. Mais informações: (31) 3681-1510.

Madrugada de Amor: ação missionária do Santuário Arquidiocesano São Judas Tadeu leva cobertores e agasalhos a moradores de rua

Na madrugada desta terça-feira, o Movimento AMOR realizou mais uma ação missionário, distribuindo agasalhos, cobertores e meias aos irmãos e irmãs em situação de rua de Belo Horizonte.

Lembrando os gestos de cada pessoa acolhida na madrugada fria, a voluntária Fátima Lodi descreve cada visita como uma experiência única, marcada pelo inesperado e pela força do Espírito Santo que une o grupo e indica a direção. “A emoção de ouvir o canto de Zaqueu, puxado pela grávida de gêmeos, junto com o companheiro que estendeu a mão buscando nossas mãos no Pai Nosso e na Ave Maria, foi de arrepiar. Celeste encontrando um par de luvas, Bia colocando a dignidade caída, na boca do irmão, cada um revirando sacolas para descobrir alegria marcaram o Encontro com o Cristo naquela noite com gestos de Amor sem limite. Prestem atenção no evangelho do próximo domingo… Parabéns por mais um passo do grupo bem dado. O pouco que é feito diante do mundo é imenso aos olhos de Deus. Pouco a pouco vamos conhecendo a noite e o dia… da nossa cidade, do coração humano. Carinhoso abraço.”

 

VEJA TAMBÉM