Evangelização e partilha: Casa Santa Zita promove atividades educativas e de cuidado pessoal para as idosas amparadas

A Casa Santa Zita, instituição da Arquidiocese de Belo Horizonte que acolhe idosas oferecendo moradia, assistência médica, social e humana, promove, durante todo o ano, iniciativas que visam preservar a integridade espiritual, física e psicológica das senhoras. Recentemente, as idosas participaram de atividades recreativas em homenagem ao mês da mulher e de oficina de estimulação cognitiva e psicomotora.

Voluntários se mobilizaram para organizar momentos de cuidado pessoal, com maquiagem e penteados, desfile, um delicioso lanche e sorteio de brindes, para celebra o Dia Internacional da Mulher. Já na oficina de estimulação cognitiva, as idosas participaram atividades de estimulação do raciocínio lógico e matemático, além de trabalhos pautados na concentração  e promoção de habilidades motoras nas idosas. “Além das ações que envolvem saúde e bem-estar, as atividades de Psicomotricidade também são necessárias, pois visam o estímulo e a aplicação de funções motoras e mentais e proporcionam contato social, fator importante para a saúde psíquica”, explica a psicóloga da Casa Santa Zita Iziz Rodrigues.

A missão da Casa Santa Zita é proteger as idosas, visando assegurar-lhes todos os seus direitos. No início do ano, a Instituição acolheu uma senhora em situação de rua, oferecendo-lhe moradia, assistência social, psicológica e humana por meio de atividades de evangelização, partilha e cuidados pessoais. Oportunidade para construir novos laços de amizade, participar de atividades recreativas e de receber cuidados médicos e psicológicos, além de ter um teto seguro e confortável. A instituição funciona na Rua Alagoas, nº 315, Bairro Boa Viagem, em Belo Horizonte.

Ajude a Casa Santa Zita entrando em contato pelo número (31) 3319-6111.

VEJA TAMBÉM