Você está em:

Misericórdia e não condenação: Papa Francisco aos 13 sacerdotes ordenados

“Não vos canseis de ser misericordioso”: assim disse o Papa Francisco na Missa da ordenação de 13 novos sacerdotes, realizada neste Domingo na Basílica de São Pedro. Seis dos novos sacerdotes são italianos,um do Paquistão, um da Coreia do Sul, um do Vietnam e quatro da América Latina – entre eles o brasileiro Rodrigo Paiva dos Reis, 28 anos, da Diocese de Roma.  

O Santo Padre destacou aos novos padres a necessidade de estarem conscientes de sua participação na missão de Cristo e serem sempre misericordiosos, a exemplo de Jesus.

Na homilia, Francisco recordou que Jesus quis escolher alguns de seus discípulos para que, exercendo publicamente o ofício sacerdotal na Igreja em seu nome, continuassem a sua missão pessoal de mestre, sacerdote e pastor. Assim, os novos sacerdotes hoje ordenados cooperam para edificar o corpo de Cristo que é a Igreja.

O Papa Francisco recomendou aos recém ordenados a “capacidade para o perdão”, sublinhando que “o Senhor não veio para condenar, mas para perdoar”. Em seguida, afirmou que os sacerdotes não são os proprietários da doutrina mas, antes, eles devem ser fiéis à doutrina. O Papa Francisco exprimiu também a sua tristeza por aqueles que na confissão sentiram que a Igreja lhes fechava “as portas”.

 

 Rádio Vaticana

VEJA TAMBÉM