Você está em:

Mais uma vez Papa Francisco se deslocou à basílica de Santa Maria Maior para rezar à Mãe d

Na tarde deste dia 1 de janeiro, o Santo Padre deslocou-se de forma privada à basílica de Santa Maria Maior, onde permaneceu em oração silenciosa ao longo de uns vinte minutos, perante a imagem – o ícone – da Mãe de Deus, venerado sob o título “Salus populi romani” (Salvação do povo romano).

Como o Papa Francisco sublinhou na homilia da Missa, 1 de janeiro é a festa litúrgica da Maternidade Divina. O Papa fez mesmo uma referência expressa à basílica de Santa Maria Maior e a esta imagem mariana, pela qual demonstra grandíssima devoção. Recorde-se que logo a 14 de março, na manhã a seguir à sua eleição, o Papa Bergoglio realizou este mesmo gesto, deslocando-se àquela basílica mariana para confiar a Nossa Senhora a Igreja e o seu ministério petrino, o seu pontificado. E ali voltou já mais alguma vez.

 

Na basílica de Santa Maria Maior encontravam-se hoje muito fiéis, nomeadamente grande número de jovens, profundamente surpreendidos e felizes por se cruzarem ali com o Papa Francisco. Em todo o caso, como não podia deixar de ser, todos respeitaram cuidadosamente o recolhimento do Papa, no tempo de oração na capela de Nossa Senhora. (PG)  

 

Rádio Vaticana
 

VEJA TAMBÉM