Você está em:

Saúde, conhecimento e arte são pilares da ação Social da Igreja no bairro Inconfidentes

 

O incentivo aos estudos, o cuidado com a saúde da população, especialmente de quem  não pode pagar por serviços particulares, e o estímulo aos que possuem  talento para a música marcam a ação social da Paróquia Nossa Senhora do Sagrado Coração no bairro Inconfidentes, em Contagem.

Há 14 anos, a paróquia é parceira de um grupo de voluntários empenhado  em preparar para o vestibular e o Enem, jovens  da comunidade que sonham entrar para a universidade. A igreja oferece o espaço, água, luz, estacionamento e toda infraestrutura necessária. Já os alunos contribuem com uma mensalidade suficiente para manter os professores e a compra de material necessário para o funcionamento do curso.

Uma parceria bem-sucedida, capaz de garantir aprovação de 50 a 60 por cento. Só este ano, mesmo antes da conclusão do período de preparação, dois  alunos foram aprovados em faculdades particulares. O curso é modesto, mas de alta qualidade, resultado  do comprometimento e disciplina exigidos dos estudantes.

 

São dez professores e uma psicóloga, Luana, ex-aluna do pré-vestibular comunitário e graduada pela PUC Minas. O mesmo ocorre com a professora de Português. Formada em Letras pela UFMG, Janete faz questão de lecionar na escola responsável por lhe abrir as portas para a universidade. O corpo docente é altamente qualificado,  composto por profissionais que lecionam em universidades e escolas de segundo grau públicas e particulares

 

As aulas de músicas refinam a educação de crianças e adolescentes e aguçam a sensibilidade de adultos e idosos. A  Escolart Music,  reúne alunos  com idades entre 4 e 70 anos, numa sinfonia que  harmoniza talento, vontade de aprender e muito entusiasmo. Todas essas virtudes aliadas à música de boa qualidade foram apresentadas na audição que reuniu 65 alunos da escola e um público de 150  pessoas.

Três professores com formação superior em música dão aulas de violão, teclado e canto para cerca de 70 alunos, nesse projeto que iniciou-se para atender à necessidade de formação de músicos para a igreja e hoje tem muito mais alunos da comunidade. Os professores  são remunerados pelas aulas com recursos da mensalidade paga pelos  alunos conforme  a condição de cada um.

 

A maioria dos estudantes possui  o próprio instrumento , mas quem  ainda não tem o seu,  estuda nos teclados e violões da escola. Ninguém fica de fora dessa sinfonia enriquecida com notas de disciplina, sensibilidade e socialização, trabalhadas com esmero e arte pelos professores.

Na Paróquia Nossa Senhora do Sagrado Coração funciona ainda uma clínica social com especialistas em nutrição, psicologia, homeopatia, fisioterapia e acupuntura. A prevenção e tratamento à dependência química são trabalhos também têm ajudado muito as famílias da comunidade, por meio do Grupo Narcóticos  Anônimos e da Família de Caná.