Você está em:

Santuário da Padroeira de Minas recebe patriarca siríaco de Antioquia, Inácio José Terceiro Younan

O líder da Igreja Católica Siríaca, patriarca Inácio José Terceiro Younan, e o arcebispo da cidade de Homs, na Síria, dom Teófilo Philipe Barakat, visitaram o Santuário Nossa Senhora da Piedade na tarde desta terça-feira, dia 1º de novembro. O patriarca, que está sendo acolhido na Arquidiocese de Belo Horizonte, presidiu Missa na Ermida da Padroeira de Minas Gerais concelebrada pelo arcebispo dom Walmor, pelo arcebispo dom Téofilo, por padres da comitiva e também pelos padres do Santuário, Fernando César e Carlos Antônio. A Missa foi transmitida pela TV Horizonte.

Encantado com a beleza e o ambiente de fé e espiritualidade da Casa da Padroeira de Minas, o Patriarca afirmou que o Santuário é um pedaço do céu “todo Santuário dedicado a Nossa Senhora é sempre um lugar muito especial e que nos faz pensar na própria espiritualidade e nos aproximar de Jesus Cristo”. Sua Beatitude também destacou a importância de sua primeira visita ao Brasil “é um momento muito importante pois estou visitando nossos irmãos acolhidos no Brasil, especialmente em Belo Horizonte. Milhares de casas, colégios e igrejas foram destruídos em nossa terra e precisamos sempre de mais pessoas que trabalhem pela paz. Mas a paz não se realiza se não existir uma verdadeira misericórdia”.

 

 Patriarca Siriaco de Antioquia visita obras da Catedral Cristo Rei

O Patriarca Siriaco de Antioquia, Inácio José Terceiro Younan, líder máximo da Igreja Católica Siríaca, conheceu as obras da Catedral Cristo Rei na quarta-feira, dia 2 de novembro. Com o Patriarca estavam o arcebispo da cidade de Homs, na Síria, dom Teófilo Philipe Barakat, padres e assessores. Durante a visita, o arquiteto da Cúria Metropolitana de Belo Horizonte, Leonardo Pereira, apresentou o vídeo 3D que detalha com serão os espaços internos da Catedral Cristo Rei e explicou que todos os ambientes fortalecerão os muitos serviços oferecidos pela Igreja Católica na Arquidiocese de Belo Horizonte.

 

Na Arquidiocese de Belo Horizonte desde terça-feira, o Patriarca também visitou o Santuário da Padroeira de Minas Gerais – Nossa Senhora da Piedade e conversou com a comunidade acadêmica da PUC Minas a respeito da crise humanitária no Oriente Médio.

 

PUC Minas: patriarca participa de encontro com estudantes e professores

 

 

O líder da Igreja Católica Siríaca, patriarca Inácio José Terceiro Younan, e o  arcebispo da cidade de Homs, na Síria, dom Teófilo Philipe Barakat, participaram de encontro com estudantes e professores da PUC Minas, Campus Coração Eucarístico. Eles foram recebidos por dom Walmor, que é membro da Congregação para as Igrejas Orientais e referencial para os fiéis católicos de Rito Oriental residentes no Brasil e desprovidos de ordinário do próprio rito.

A um público atento, Inácio José Terceiro falou sobre a crise humanitária provocada pelo confronto na Síria e em outros países do Oriente Médio. O Patriarca disse que desde 2014, quando o Estado Islâmico invadiu a Síria, aproximadamente 150 mil cristãos foram expulsos da região.  Para o líder da Igreja Católica Siríaca, a fusão entre Estado e religião faz com que pessoas de outras crenças tenham seus direitos negados.

O Patriarca lamentou a atual situação dos cristãos no Oriente Médio, lembrando que, muitas vezes, a realidade desses povos não é apresentada nos meios de comunicação daquele território.  Inácio José Terceiro Younan sublinhou que a comunidade cristã é pacífica e vive na região da Síria antes mesmo da chegada dos mulçumanos. Hoje, mesmo com toda a perseguição, o Patriarca explica que os cristãos do Oriente Médio permanecem firmes no Evangelho, fiéis a Cristo.  
 


O líder da Igreja Católica Siríaca, patriarca Inácio José Terceiro Younan


O  arcebispo da cidade de Homs, na Síria, dom Teófilo Philipe Barakat


Seminaristas do Seminário Arquidiocesano Coração Eucarístico de Jesus se apresentaram  na abertura do evento