Você está em:

Santuário da Padroeira de Minas: dom Walmor celebra em comunhão com milhares de fiéis

Na véspera do Dia dos Pais, sábado, dia 12 de agosto, milhares de peregrinos participaram das celebrações no Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Caeté, casa da Padroeira de Minas Gerais. Um momento especial para os fiéis que estiveram no Santuário pela primeira vez, vindos de outras cidades do país.

O arcebispo dom Walmor celebrou a Missa das 15h, na Ermida da Padroeira. Durante a homilia dom Walmor destacou a coragem dos pioneiros que iniciaram as peregrinações ao Santuário de Nossa Senhora da Piedade, há 250 anos. “É preciso coragem, meus irmãos e irmãs, para subir até esta magnifica arquitetura divina, casa da Padroeira de Minas, a 1756 metros de altitude. Há  250 anos dois homens corajosos, Antônio da Silva Barcarena e Irmão Lourenço, iniciaram neste lugar um bonito e inspirador trabalho que ainda hoje encanta e envolve todos nós. Eu quero, se Deus permitir, estar aqui daqui há 50 anos para celebrar os 300 anos deste Santuário. Me imagino de bengala vindo até o alto desta montanha para agradecer a Mãe Maria as inúmeras graças. Esta casa é de todos nós, precisamos preservá-la e defendê-la”.

A primeira missa do dia foi presidida pelo reitor do Santuário, padre Fernando César do Nascimento, que durante a homilia destacou a importância de ser ter Maria como Mãe, aquela que acolhe e ampara nos momentos de dificuldades sempre apontado Cristo como o Salvador. Destacou ainda da alegria de receber pela primeira vez os filhos mineiros que peregrinam à Casa da Padroeira de Minas. Após a Missa houve um momento de adoração ao Santíssimo Sacramento.

Na Igreja das Romarias estava cheia de peregrinos para o momento de louvor e adoração ao Santíssimo Sacramento conduzido pelo padre Carlos Antônio da Silva, pró-reitor. Após a Missa, uma bonita procissão seguiu até a Ermida da Padroeira, encerrando a programação da manhã deste sábado. Em sua homilia, o padre Carlos falou sobre as angústias e ansiedades vividas nos dias de hoje e como Deus pode conduzir tudo com serenidade no tempo certo. “Me emocionou muito sentir a participação forte e a fé de cada um de vocês. É bonito ver isto! Este Santuário é de todos os mineiros, aqui é da Casa da Mãe.”

VEJA TAMBÉM