Você está em:

Professor da Universidade de Deusto, na Espanha, recebe título de Doutor Honoris Causa

A PUC Minas concederá, no dia 28 de maio, às 9h, no prédio 30 do campus Coração Eucarístico, o título de Doutor Honoris Causa ao professor Carlos Maria Romeo Casabona, da Universidade de Deusto, na Espanha. Ele estará presente também no Seminário Hispano Brasileiro de Direito Biomédico promovido pelo Conselho Arquidiocesano Pró-Vida, na PUC Minas, dias 26 e 27 de maio.

Considerado uma das maiores autoridades na área do Direito e da Medicina, o professor receberá a honraria devido a sua brilhante e significativa trajetória na área da Bioética e do Biodireito, bem como seus estudos sobre as questões éticas e legais discutidas a partir dos avanços da ciência nas áreas da engenharia genética, pesquisa com células-tronco embrionárias, transplante de órgãos, farmacogenética, entre outras.

Carlos Casabona nasceu na cidade de Zaragoza, na Espanha, em 1952. Possui um extenso e rico currículo, no qual se destacam suas atividades como catedrático de Direito Penal na Universidade do País Basco, diretor da Cátedra Interuniversitária de Direito e Genoma Humano (Fundação BBVA, Universidade de Deusto e Universidade do País Basco); autor de livros, artigos, além de fundador e diretor das revistas Derecho y Genoma Humano e Perspectivas, ambas bilíngues.

O Honoris Causa é um título concedido a uma personalidade que tenha contribuído com os preceitos de uma instituição oficial de ensino, e se destacado pelo saber ou pela atuação em prol das artes, das ciências, da filosofia, das letras ou do melhor entendimento entre os povos. Desde sua fundação, a PUC Minas só concedeu o título a outros cinco professores.