Você está em:

Ordenação episcopal: dom Geovane Luís da Silva

A Basílica de São José, na cidade de Barbacena, Arquidiocese de Mariana, ficou repleta de fiéis, padres e bispos para a Celebração Eucarística com o rito de ordenação episcopal de Geovane Luís da Silva, nomeado pelo Papa Francisco para ser bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte. O arcebispo dom Walmor, os bispos auxiliares e muitos sacerdotes da Arquidiocese de Belo Horizonte concelebraram a Missa, que teve como celebrante o arcebispo de Mariana, dom Geraldo Lyrio Rocha. A ordenação de dom Geovane, de acordo com dom Geraldo, é um dos pontos mais luminosos do Ano da Vocação Sacerdotal, vivido na Arquidiocese de Mariana em 2017. Em sintonia com esse tempo especial, as comunidades de fé de Barbacena realizaram um Tríduo Vocacional nos três dias que antecederam a ordenação do novo bispo, com Missas na Paróquia Nossa Senhora da Piedade, em Barbacena.
No sábado, dia 25, durante a ordenação episcopal, dom Geraldo recordou-se da liturgia do dia, quando o Evangelho narra a Anunciação do Senhor. O Arcebispo de Mariana disse que a Igreja, no mundo inteiro, celebra nessa data a solenidade em que o “sim” do Verbo de Deus se encontra com o “sim” de Maria. E sublinhou que, desde a eternidade, o Verbo de Deus diz ao Pai: ‘Eis que venho para fazer a tua vontade’. Também Maria, explicou dom Geraldo, ofereceu o seu “sim” diante do anúncio do anjo Gabriel. “Quando Maria recebeu a mensagem do anjo – contando-lhe que, por obra do Espírito Santo, Ela conceberia o Verbo que se faz carne – a Santíssima Virgem disse: ‘Faça-se em mim segundo a tua Palavra’. E o ‘sim’ eterno do Verbo de Deus se encontrou com o “sim” de Maria”.
Em seguida, o Arcebispo de Mariana explicou que dom Geovane também pronuncia o seu ‘sim’, juntamente com Maria, a Virgem da Piedade, para que se cumpra a vontade de Deus. “Assim, nosso irmão Geovane assume o ministério episcopal para servir a Igreja no anúncio fiel da mensagem libertadora, transformadora e salvadora do Verbo que se fez carne, da Palavra que se faz homem e veio viver entre nós.”
Após o rito de ordenação episcopal, dom Geovane agradeceu todos que o acompanham em sua caminhada, especialmente seus pais, familiares e o Povo de Deus na Arquidiocese Mariana. Com especial carinho se referiu ao Papa Francisco, a dom Luciano Mendes de Almeida (1930-2006) e a dom Geraldo, aos padres, religiosas e religiosos, seminaristas e fiéis da Igreja particular de Mariana. Dirigindo-se ao Povo de Deus na Arquidiocese de Belo Horizonte, disse: “Uno-me a vocês, meus irmãos, e a exemplo de Paulo, peço um lugar no coração de todos. Rezem por mim. Gratidão a dom Walmor e aos bispos auxiliares da Arquidiocese de Belo Horizonte”.
Dom Geovane inicia o seu ministério de bispo auxiliar na Igreja particular da Capital Mineira no dia 5 de abril, durante Missa no Santuário Arquidiocesano São Judas Tadeu (Rua Macaé, 629, bairro da Graça). Na Arquidiocese de Belo Horizonte, dom Geovane, entre suas atividades, será bispo referencial da Região Episcopal Nossa Senhora da Piedade (Rensp).

VEJA TAMBÉM