Você está em:

Natal, o encontro com o Menino-Deus para anunciá-lo ao mundo

 

Nesses dias, refletimos sobre o Natal que se aproxima.  Preparamo-nos para o grande dia do encontro, um dia especial em que somos convidados a tornarmos uma estrela que ilumina todo o coração humano. Continuemos percorrendo esse caminho em direção ao Cristo. É Ele que nos dá a direção, que ilumina nossa vida a partir da fé e da esperança. Jesus, esta pessoa fascinante na qual Deus se revelou de modo muito especial.

Tendo nascido menino pequeno e frágil, Ele vem assumir nossa condição humana para nos salvar. Vem caminhar conosco para nos ajudar a manter viva a esperança de vivenciar o amor verdadeiro, autêntico, junto com os nossos irmãos, pois é o amor que nos humaniza e nos faz recordar sempre de que somos filhos de Deus. Isto é Natal. Celebramos o nascimento do menino-Deus na certeza de que estamos celebrando o nascimento do amor que vai habitar o coração de cada um de nós.

 

O Verbo:  Luz verdadeira que ilumina homem por inteiro

Desse ensinamento de Jesus, assumindo nossa condição humana, é o evangelista João que nos fala: “antes era o verbo, o Deus eterno por quem tudo foi criado”. O Verbo, Luz verdadeira que ilumina todo homem, foi enviado a terra para revelar aos homens o segredo da vontade divina. Ele, que não foi gerado nem do sangue, nem de uma vontade da carne, nem de uma vontade do homem, mas de Deus. E o verbo se fez carne e habitou entre nós (Jo 1,14).

O Verbo que se encarnou no seio da Virgem e quis viver entre nós. Um nascimento que se contrapõe à ordem da natureza, pois Maria o recebeu em seu seio, por força do Espírito Santo, como afirma Mateus em seu Evangelho.
Esse anúncio é dado pelos anjos, os mensageiros de Deus que anunciam sua Palavra ao mundo. Os anjos anunciam o nascimento do menino-Deus. Com seu anúncio eles nos fazem participar desse nascimento acolhendo aquele que salva e ilumina nossa vida.

Assim como os anjos, nós também somos chamados a sermos anunciadores desse nascimento, o menino-Deus que tendo passado um tempo presente conosco, agora, em Espírito, permanece sempre no nosso coração. E nós o comunicamos em Palavra. Ele é a Palavra de Deus, a Palavra que se fez homem e habitou entre nós (Jo 1,14).

 

Jesus nos revela que é Deus e quem somos nós

Nós nos comunicamos pela Palavra. Quando Deus se revela, se comunica, dizemos que Deus fala. Ele nos fala através de seu Filho Jesus. Jesus Cristo é a Palavra de Deus dirigida a nós. Ele nos revela quem é Deus e também quem somos nós, qual é o projeto de Deus para o ser humano. Assim, em Jesus temos o modelo do ser humano conforme o plano de Deus. Devemos ser como Jesus, viver, pensar, julgar, agir como ele: todo voltado para o Pai e todo voltado para o irmão. É por isso que a pessoa de Jesus nos fascina tanto. Porque sendo Filho de Deus, é tão humano e próximo de nós. É Ele que nos convida para, através do nosso agir, mostrá-lo próximo de nós.

Nas nossas catequeses devemos estar sempre falando de Jesus, como Ele viveu sempre ajudando às outras pessoas. Como ele amou verdadeiramente a cada uma das pessoas enquanto viveu na terra. E agora que mora no nosso coração Ele quer que sejamos como Ele.

Esses são os ensinamentos da nossa Catequese Renovada. Durante todo esse ano nós estivemos conversando sobre ela, falando de suas características, sua metodologia, a linguagem apropriada para: crianças, jovens e adultos. A Catequese Renovada ajuda a todos os catequizandos viver bem próximo de Jesus porque eles vão fazendo aquilo que Jesus ensinou.

Nos nossos próximos encontros será apresentada uma experiência dessa Catequese Renovada realizada na Paróquia São José. Apresentada por Solange Maria do Carmo. Ela nos informará sobre essa rica experiência que ajuda as crianças e também a seus pais, tios e avós – que os levam para a catequese- a perceberem a importância de uma catequese permanente na vida das pessoas.

 

Neuza Silveira de Souza
Comissão Arquidiocesana de Catequese de Belo Horizonte