Você está em:

Museu dos Quilombos e Favelas Urbanos é tema de conferência em Frankfurt

O Museu dos Quilombos e Favelas Urbanos (Muquifu), no Aglomerado  Santa Lúcia, será tema de conferência na cidade de Frankurt, na Alemanha, no dia 27 de junho. A palestra será ministrada pelo diretor e curador do Muquifu, padre Mauro Luiz da Silva, que atualmente é pároco da Paróquia Jesus Missionário, no bairro Vista Alegre.

Em sua conferência, padre Mauro irá abordar a importância da subjetividade nos museus sociais e comunitários, onde a relação entre o acervo, a comunidade local e os visitantes ultrapassa os limites da museologia tradicional: “No Muquifu o nosso maior tesouro é a força transformadora das mulheres e dos homens que habitam os Quilombos Urbanos e as Favelas”, diz padre Mauro.

Irão participar do evento em Frankfurt, além de padre Mauro, o artista plástico Cleiton Gos, que está pintando os afrescos da Igreja das Santas Pretas, na Vila Estrela (Comunidade da Paróquia Nossa Senhora do Morro), e a Dra. Giuliana Tomasella, que orientou a dissertação de padre Mauro sobre o Muquifu, na Universidade de Pádua, na Itália.

A equipe do Muquifu estará em Frankfurt entre os dias 20 e 29 de julho. Além da Conferência, haverá exposição com peças e documentos do acervo do museu. A viagem será realizada a convite do Museu Histórico de Frankfurt, organizador do evento, com o apoio das instituições Imbradiva ( Associação que apoia migrantes de língua portuguesa na integração à sociedade alemã) e o  Centro Cultural Brasil Frankfurt (CCBF).

Padre Mauro também irá apresentar, durante a viagem, o seu novo livro: “Muquifu: Muito Além do Jardim!” que narra a história de criação do museu por meio dos jardins que fazem parte da história do autor. Segundo padre Mauro “o livro é inspirado na reflexão de Rubem Alves: ‘Quem não tem jardins por dentro, não planta jardins por fora e nem passeia por eles.’ A publicação foi escrita a quatro mãos, convidei a escritora Cidinha da Silva para que pudesse contribuir com o processo de narrativa das memórias das mulheres que fundaram a Igreja das Santas Pretas, na Vila Estrela, o que ela desenvolveu com maestria” afirmou o padre.

 

Visitas ao Muquifu: de segunda a sexta-feira, de 13 às 18 horas, ou agendamento pelo telefone (31) 98798 7516.

Mais informações: www.muquifu.com.br