Você está em:

Ministério público lança Guia de Direitos do Morador de Rua em parceria com a Pastoral de Rua de BH e outras entidades

A Pastoral de Rua da Arquidiocese de Belo Horizonte participa de um projeto do Ministério Público Estadual, em defesa dos direitos dos moradores de rua. O lançamento da Cartilha de Direitos do Morador de Rua – um guia na luta pela dignidade e cidadania, teve a participação dos próprios moradores de rua, que puderam opinar e expor seus pontos de vista durante vários encontros promovidos ao longo de um ano de trabalho.

O projeto, que tem o objetivo de despertar consciências, iluminar caminhos e mobilizar toda a sociedade para a condição das pessoas que se encontram em situação de rua, é a união de esforços e de muito trabalho, que envolveu também as entidades: Pastoral do Povo da Rua do Regional Leste 2 da CNBB, Fórum Mineiro de Direitos Humanos, Instituto Nenuca de Desenvolvimento Sustentável – INSEA, Movimento Nacional da População de Rua de Minas Gerais, Programa Polos de Cidadania – Faculdade de Direito da UFMG e Serviço de Assistência Jurídica da PUC-Minas.

O lançamento da cartilha será no dia 9 de agosto, às 13h30, na Procuradoria Geral da Justiça – Av. Álvares Cabral, 1.740 – Santo Agostinho – Belo Horizonte.

A Pastoral de Rua do Regional Leste 2 da CNBB é uma equipe de leigos e religiosos, ligados à Arquidiocese de Belo Horizonte, que trabalha junto àqueles que vivem em situação de rua, de forma solidária e fraterna, ouvindo-os, criando laços de amizade e ajudando-os na defesa do direito à vida com saúde, trabalho,educação, segurança, moradia, assistência social e lazer.