Você está em:

Milhares de fiéis se reúnem para a celebração da 42ª Missa do Trabalhador

Neste dia 1° de maio, dia de São José Operário, dom Otacílio Ferreira de Lacerda celebrou a 42ª Missa do Trabalhador, na Praça da Cemig, em Contagem.

A celebração foi concelebrada por mais de 40 padres da Região Episcopal Nossa Senhora Aparecida (Rensa) e mais de 3 mil pessoas participaram da Celebração.

Na conclusão da Missa, fieis ergueram suas carteiras de trabalho para receber a benção do trabalhador.

Dom Otacílio, que presidiu a Missa, explicou um pouco sobre o surgimento da Celebração: “essa festa foi introduzida em 1955, pelo Papa Pio XII, para celebrarmos a beleza, a dignidade e o valor sagrado do trabalho, tendo São José, o operário, como padroeiro e pedindo pelo bem dos trabalhadores, para que sempre tenham emprego e dignidade e a São José, a força para vencer o desemprego”.

O Bispo incentivou também aqueles que sofrem a situação de desemprego: “aqueles que estão buscando um emprego, nunca se enveredem pelo caminho da violência, da omissão ou da indiferença. Que mantenham a fé viva e firme, sem nunca perder a esperança”.

Dom Otacílio ressaltou ainda sobre o Padroeiro da Celebração: “São José é o modelo do próprio trabalhador, pois cuidou de Jesus na oficina. O trabalho é um prolongamento da obra da criação, não é uma maldição, é uma benção e uma graça que Deus nos concedeu para continuar a obra da criação. Bendito seja Deus quando nossas mãos, mente e coração podem estar envolvidos em uma atividade para produzir o pão de cada dia”.

Muitos meios de comunicação fizeram reportagens sobre a Missa:

TVs:
Globo
Alterosa
Rede Minas
Band
TV Horizonte

Rádios:
Itatiaia
Gospa Mira
CBN
Rádio Inconfidência

Jornais:
Estado de Minas
O Tempo