Você está em:

Milhares de fiéis celebram Padroeira do Brasil na Praça da Cemig

Mais de 6 mil pessoas estiveram reunidas na Praça da Cemig, em Contagem, na tradicional missa que homenageia Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil. Há vinte e seis anos, a Praça da Cemig é ponto de encontro dos fiéis, vindos de diferentes paróquias, para celebrar o dia da padroeira,  12 de outubro. A missa foi celebrada pelo arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, e concelebrada pelos padres que integram a região episcopal Nossa Senhora Aparecida.

Durante a missa, dom Walmor pediu um minuto de silêncio em homenagem ao padre Geraldo Braga de Rezende, que morreu na madrugada de hoje.  O padre Geraldo Braga integrava a região episcopal Nossa Senhora Aparecida, em Betim.

Em sua homilia, dom Walmor enalteceu a força que vem da fé. “Só se entra no coração de Deus pela fé. A fé é a experiência mais importante para exercermos a verdadeira fraternidade, para fazermos da nossa vida um dom, superando preconceitos, divisões, amarguras e revoltas. A devoção à Nossa Senhora vem da necessidade de cultivarmos a fé e, a partir disso, trabalharmos pela justiça, que só pode ser alcançada via solidariedade.”

Antes da bênção final, o padre Afonso de Fátima Ribeiro, vigário episcopal da Região Nossa Senhora Aparecida, agradeceu a presença do arcebispo na celebração. Ele também lembrou com saudade do padre Geraldo, que será sepultado nesta terça-feira, em Lagoa Formosa, região do Alto Paranaíba.