Você está em:

Dom Walmor preside celebração pelo início do Ano Missionário dedicado às vilas e favelas, na Paróquia Santa Teresa e Santa Teresinha

O arcebispo dom Walmor  iniciou oficialmente o Ano Missionário dedicado às Vilas e Favelas, durante Celebração Eucarística na Paróquia Santa Teresa e Santa Teresinha (bairro Santa Teresa), na noite de segunda-feira, dia 1º de outubro.

O Arcebispo explicou que o dia dedicado a Santa Teresinha foi escolhido para iniciar esse ano especial na Arquidiocese, por ser ela a grande referência no trabalho missionário. “Embora tenha vivido no Carmelo, Santa Teresinha é considerada a padroeira das missões pelo seu amor, indo ao encontro das pessoas, mas, sobretudo, pela força de sua fé”.

Ao convocar o Ano Missionário, que será vivido de outubro de 2018 a outubro de 2019, o Arcebispo convida os fiéis de toda a Arquidiocese de Belo Horizonte a proclamarem a Palavra e a contribuírem para a criação de comunidades de fé onde a Igreja precisa intensificar sua missão evangelizadora.

Dom Walmor ressaltou que existem 600 mil pessoas vivendo em vilas e favelas , nos 28 municípios que integram o território da Arquidiocese de Belo Horizonte e que, desse total, a Igreja ainda não está presente no universo de 170 mil pessoas, enquanto comunidades de fé. “Esse é o grande desafio a que nos propomos a   vivenciar no Ano Missionário nas Vilas e Favelas, envolvendo toda a Arquidiocese missionariamente, indo ao encontro de nossos irmãos, com as paróquias constituindo favelas como comunidades irmãs. Queremos fazer esse caminho congregando todos, da mesma forma que hoje nos congregamos aqui na Igreja Santa Teresa e Santa Teresinha: uma comunidade cristã vivendo a experiência bonita da solidariedade”.

O Vicariato Episcopal para a Ação Missionária trabalha no planejamento de eventos que integrarão a programação arquidiocesana do Ano Missionário. Celebrações específicas, em cada Região Episcopal da Arquidiocese de Belo Horizonte, vão marcar o início das atividades nas diferentes regiões.

Calendário de Abertura do Ano Missionário

Vicariato Episcopal para a Ação Missionária
6 de outubro – Missa às 18h, na Igreja São José, Rua Tupis, 164, Centro, Belo Horizonte, com a participação de missionários e missionárias do COMIDI – Juventude Missionária e Infância e Adolescência Missionária.

No Vale do Paraopeba, todas as paróquias organizarão Missas, nos dias 6 ou 7 de outubro, para marcar a abertura do Ano Missionário.

RENSA
12 de outubro – Missa às 9h, na Praça da Cemig, tradicional celebração pelo Dia de Nossa Senhora Aparecida.

RENSC
12 de outubro – Missa às 15h, na Comunidade Nossa Senhora Aparecida – Paróquia Santa Inês – R. Argemiro Rodrigues da Silva, 177, Bairro Aparecida, 7ª Seção, Belo Horizonte.

RENSP
14 de outubro – Missa às 18h, no Santuário Arquidiocesano de Adoração Perpétua – Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, Rua Sergipe, 175, bairro da Boa Viagem.

RENSE
21 de outubro – Missa às 11h, durante a programação do Dia Nacional da Juventude (DNJ), na quadra do seminário claretiano – Rua Alvimar Carneiro, 785, bairro Novo Progresso, Contagem.

Veam e Comidi publicam roteiro para a Hora Santa Missionária

A Hora Santa Missionária é realizada sempre no mês de outubro, desde 1995. Neste ano, o tema é “Enviados para testemunhar o Evangelho da Paz”. O Vicariato Episcopal para a Ação Missionária (VEAM) e o Conselho Missionário Arquidiocesano (Comidi) organizaram um roteiro para auxiliar as comunidades na vivência do momento de oração.

Clique aqui para ver o roteiro da Hora Santa Missionária 2018