Você está em:

Dom Walmor completa 15 anos de ordenação episcopal

Nesta sexta-feira, 10 de maio, o arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, completa 15 anos de ordenação episcopal. Nomeado bispo-auxiliar da Arquidiocese de São Salvador da Bahia em janeiro de 1998 pelo bem-aventurado Papa João Paulo II, dom Walmor recebeu a ordenação episcopal em cerimônia presidida pelo cardeal dom frei Lucas Moreira Neves, no dia 10 de maio daquele ano, em Juiz de Fora. Escolheu como lema para o seu episcopado o versículo “Para curar os corações feridos” (Is 61,1b).

Nascido em Côcos (BA), dom Walmor foi ordenado sacerdote em Juiz de Fora, em 1977, onde exerceu seu ministério presbiteral. Lá, entre outras atividades, foi pároco, reitor do Seminário Santo Antônio e coordenador arquidiocesano da Pastoral Vocacional. Mestre em Ciências Bíblicas pelo Pontifício Instituto Bíblico (Roma) e doutor em Teologia Bíblica, pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma, lecionou em diversas instituições de ensino superior.

Em 2004, dom Walmor foi eleito pelo Papa João Paulo II arcebispo metropolitano da capital mineira. Completará, portanto, 10 anos à frente da Arquidiocese de Belo Horizonte no próximo ano. No episcopado, entre outras atividades, dom Walmor presidiu a Comissão para Doutrina da Fé da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), durante os exercícios de 2003 a 2007 e de 2007 a 2011. Também exerceu a presidência do Regional Leste II da CNBB – Minas Gerais e Espírito Santo. Foi um dos quatro representantes do Brasil que participaram da 12ª Assembleia Ordinária do Sínodo dos Bispos em 2008. No ano seguinte, foi nomeado para integrar a Congregação para a Doutrina da Fé no Vaticano. No dia 28 de julho de 2010, o arcebispo foi nomeado o novo ordinário para fiéis do rito oriental residentes no Brasil e desprovidos de ordinário do próprio rito.