Você está em:

Contagem: Dom Luiz celebra a Eucaristia no Dia de Nossa Senhora Aparecida

Cerca de cinco mil fiéis aplaudiram de pé a imagem de Nossa Senhora Aparecida – Padroeira do Brasil, no início da tradicional Missa realizada na Praça dos Trabalhadores, em Contagem, neste dia da Padroeira – 12 de outubro. Presidida pelo bispo auxiliar dom Luiz Gonzaga Fechio e concelebrada pelos sacerdotes da Região Episcopal Nossa Senhora Aparecida (Rensa), a Celebração Eucarística também foi momento de oração dedicado ao Dia das Crianças.

 

Durante a homilia, dom Luiz lembrou que a devoção à Nossa Senhora Aparecida completará 300 anos em 2017. O Bispo explicou que a liturgia do dia ensina porque Nossa Senhora é tão importante. O Evangelho de Jesus Cristo, segundo São João, narra o casamento em Caná, na Galiléia. Jesus, acolhendo o pedido de Maria, transforma a água e vinho. “Este foi o início dos sinais de Jesus. Ele o realizou em Caná da Caliléia e manifestou a sua glória, e seus discípulos creram nele” (Jo 2,11). Conforme ensinou dom Luiz, a Palavra da Salvação mostra que Maria é intercessora. “Aquela que foi a humilde serva do Senhor agora é Nossa Senhora”, disse.

 

No entanto, o Bispo advertiu que não se deve dirigir-se à Nossa Senhora apenas para pedir milagres. “Devemos pensar no que Ela deseja de nós”. A vontade de Maria, sublinha dom Luiz, também está expressa no Evangelho do Dia: “Fazei o que Ele vos disser” (Jo 2,5). Assim, conforme orienta o Bispo, cada pessoa deve inspirar-se na simplicidade de Maria e em sua condição de discípula de Cristo. “Todos nós estamos aqui para valorizar, cada vez mais, a vida. Não apenas a própria, mas também a dos outros que precisam de nós”.

 

A Celebração Eucarística foi concluída com uma homenagem. Os milhares de fiéis participantes aplaudiram as crianças pelo seu dia. Após a bênção final, dom Luiz foi cumprimentar cada fiel que, mesmo diante do forte sol, dedicou a manhã deste domingo para celebrar Nossa Senhora Aparecida.

VEJA TAMBÉM