Você está em:

Conselho Estadual de Meio Ambiente vota projeto de mineração na Serra da Piedade

A Câmara de Atividades Minerárias, ligada à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, coloca em pauta, para votação, o projeto de retomada da mineração na Serra da Piedade. A reunião, aberta ao público, será na próxima sexta-feira, dia 22, às 9h, no Mezanino da Rodoviária de Belo Horizonte. Mesmo protegida pelo Instituto Nacional do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha-MG) e reconhecida reserva da biosfera pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura), a Serra da Piedade continua alvo das empresas de mineração.

A Arquidiocese de Belo Horizonte une-se aos que buscam proteger a Serra da Piedade. O reitor do Santuário Basílica Nossa Senhora da Piedade – Padroeira de Minas Gerais, padre Fernando César do Nascimento, participa da audiência, na esperança de que os conselheiros não aprovem o projeto de mineração na Serra da Piedade.

Triste coincidência

Na manhã do dia 25 de janeiro, o projeto de exploração da Serra da Piedade entrou na pauta da Câmara de Atividades Minerárias. Na ocasião, a votação foi adiada, a pedido de uma conselheira. Poucas horas depois, a tragédia em Brumadinho: o rompimento da barragem com rejeitos de mineração da Vale, um desastre humano e ambiental.