Você está em:

Comunidade desenvolve trabalho Missionário nas Vilas e Favelas

Buscando implementar ações missionárias, a Comunidade Missionária de Villaregia vem realizando, desde o final de 2018, um projeto de formação comunitária em uma área de ocupação na paróquia Maria Estrela da Evangelização. O trabalho vem sendo realizado em comunhão com os objetivos do “Ano Missionário” convocado por dom Walmor, na Arquidiocese de Belo Horizonte, que busca intensificar a presença missionária em Vilas e Favelas e do Conselho Pastoral do Vicariato Episcopal para a Ação Missionária (VEAM).

Segundo os missionários que trabalham no projeto, trata-se de uma ação evangelizadora, que demanda realização de missões e atividades, ao longo do ano, buscando capacitar líderes locais. Por este motivo, consideram importante a descoberta de diferentes modos de conhecer as pessoas e a busca do encontro, da oração e do trabalho na capela. “A equipe para 2019 ainda está se formando e se definindo. Ainda será necessário programar as atividades pastorais futuras. De toda, forma, é necessário manter a proximidade da CMV com o povo e formar uma comunidade cristã, sendo sinal da presença da Igreja Católica nas comunidades e, se for possível, melhorando também a estrutura dos locais de culto, os quais, muitas vezes, sequer oferecem proteção contra a chuva”, explicam.